Coluna da Arte Suave: os desafios de um professor em abrir uma academia; veja o artigo

    Em seu novo artigo, Luiz Dias fala sobre os desafios em abrir uma academia (Foto: Divulgação)

    Por Luiz Dias

    Nessa semana, encontrei o faixa preta Juninho Montenegro, que há 2 anos abriu a Akxebjj Recreio. É claro que a conversa teria como tema principal a nossa Arte Suave. Comentávamos as dificuldades desse início de abrir uma academia. Partir do zero é um caminho difícil, diferente de herdar alunos de um professor que saiu.

    Esse início, partindo do zero mesmo, é mais complicado. Tem de perseverar, acreditar, não desanimar. Por vezes, parece que a academia não vai deslanchar, ficamos ansiosos em ver o número de alunos subir. Qual professor que não almeja em ver seu dojô cheio? Não somente por questão financeira, mas também em ver seu trabalho gerando frutos.

    Me lembro quando eu comecei. Eu ficava ansioso, a cada entrada de um novo aluno, era uma alegria. Ao mesmo tempo que por vezes me desanimava os períodos que o número de alunos diminuía ou não tinha nova inscrição, eu ficava avaliando o que eu poderia estar errando. Mas o importante é não desanimar e dar sempre o melhor de si em suas aulas, porque seus alunos reconhecerão e serão eles que trarão mais alunos.

    A famosa propaganda de “boca em boca”. Todo início não é fácil. Tem de acreditar, antes de tudo, no seu próprio potencial e muito trabalho e dedicação, não importa se tem um escudo já estabelecido ou você está criando o seu. Como disse meu amigo dos tatames e do surf: “é preciso trabalhar arduamente, acreditar em suas convicções, ter um excelente relacionamento com as pessoas e ainda ter um grande conteúdo técnico para ser oferecido aos seus alunos. Estar sempre disponível, equilibrado, e ponderado nos aconselhamentos aos seus alunos, que muitas vezes fazem da academia a sua casa”.

    Mantenha o foco. A cada aula, faça o seu melhor. Eu comecei do zero absoluto. Criei meu escudo e o nome da minha equipe. Posso garantir que é um começo árduo. Mas com o tempo, comecei a perceber que as coisas começam a andar, com alunos trazendo novos alunos. Primeiras medalhas chegando para a sua equipe, a alegria dos seus alunos, fotos no pódio junto com o orgulho do escudo. O que posso dizer a todos que estão no início dessa jornada é que ela nunca tem fim, porque a evolução e aprendizado são constantes. Acredite, trabalhe duro, faça que seu trabalho fale por você. Não desanime nos períodos mais difíceis, respire fundo e trabalhe cada vez mais e não relaxe quando achar que está tudo fluindo.

    Liderar uma academia e dar aula requer um cuidado constante. Não se acomode na sua zona de conforto. Eu sempre busco melhorar minhas aulas. Dar atenção a todos os alunos. Eu acredito que o cuidado é diário, escudo não segura aluno. Pode até atrair no primeiro momento, mas é a qualidade da aula que os fazem ficar. O que posso dizer é que se você, professor, deseja abrir uma academia, deve fazer. Acredite e trabalhe duro. Os frutos do seu esforço pode parecer que demora, mas certamente chegarão.

    Para mais informações, veja https://www.instagram.com/luizdiasbjj/ ou entre em contato pelo e-mail geracao.artesuave@yahoo.com.br. Também conheça o http://http://gasjj.blogspot.com//. Boa semana, bons treinos e até a próxima! 


    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome