World Pro 2019 da UAEJJF: campeões no adulto faixa-preta são definidos; veja

por: TATAME | @tatameofficial
Publicado em 26/04/2019
World Pro 2019 da UAEJJF: campeões no adulto faixa-preta são definidos; veja

publicidade

*Nesta sexta-feira (26), chegou ao fim mais uma edição do Abu Dhabi World Pro, organizado pela UAEJJF na capital dos Emirados Árabes Unidos. Após sete dias de disputas intensas, foram conhecidos todos os campeões, com destaque para o masculino adulto faixa-preta e feminino adulto faixas-marrom/preta. Entre eles, Kaynan Duarte, João Gabriel Rocha, Thamara Silva e Gabi Pessanha anotaram belas finalizações e brilharam.

Dos 12 campeões consagrados na elite do esporte, apenas um não foi brasileiro. Na categoria até 77kg, em duelo de europeus, o norueguês Tommy Langaker finalizou o britânico Oliver Lovell com um estrangulamento pelas costas para garantir o ouro no World Pro 2019. Agora, a Federação encerra sua temporada 2018/19 no sábado (27), onde os vencedores do ranking serão coroados em glamourosa cerimônia.

Confira os resultados completos do evento clicando aqui

Abaixo, saiba como cada final se desenrolou:

-Masculino adulto faixa-preta

56kg – após grandes campanhas, Hiago George e Bebeto Oliveira se encontram em final brasileira no World Pro. Muito estudado, o combate foi decidido nos detalhes, com o título ficando com Hiago após vitória por 2 a 0 nas vantagens sobre Bebeto.

62kg – fim de temporada perfeito para Gabriel Sousa. Além de garantir o título do ranking no masculino adulto faixa-preta, o atleta da equipe ZR Team desbancou João Miyao por 2 a 1 nas vantagens em luta muito acirrada e ficou com o ouro na sua categoria.

69kg – de novo ele. Depois vencer em 2018, Paulo Miyao voltou a subir no lugar mais alto do pódio neste ano. Em decisão apertada contra o casca-crossa Isaac Doederlein, Paulo saiu vitorioso pela diferença de uma punição após empate em 2 a 2 nos pontos e 1 a 1 nas vantagens.

https://www.instagram.com/p/Bwt–Cjnkkq/

77kg – a Noruega segue no topo da divisão. Após o título de Espen Mathiesen em 2018, desta vez seu compatriota Tommy Langaker conquistou a medalha de ouro em Abu Dhabi. Na final, Langaker finalizou o britânico Oliver Lovell com um estrangulamento pelas costas.

85kg – sob muita pressão, Rudson Mateus estragou a esperança da torcida local de ver um medalhista de ouro dos Emirados Árabes Unidos. Contra Faisal Al Ketbi, em duelo empatado em todos os aspectos e que teve até utilização do VAR (árbitro de vídeo), Rudson levou via decisão dos árbitros.

94kg – Kaynan Duarte segue imbatível. O jovem faixa-preta da Atos precisou de cerca de dois minutos para finalizar Adam Wardzinski no pé e, assim, colocar seu nome no topo do pódio no World Pro 2019. Foi seu primeiro título no evento como faixa-preta.

110kg – João Gabriel Rocha foi outro que não perdeu tempo para finalizar sua luta e ficar com o ouro em Abu Dhabi. Sem dar chances para o local Yahia Al Hammadi, João foi para as costas e encaixou um justo estrangulamento.

https://www.instagram.com/p/BwuPgTZn7Di/
  • Feminino adulto faixas-marrom/preta

49kg – nenhuma atleta foi capaz de destronar Mayssa Bastos desde que a classe de peso 49kg foi introduzida ao World Pro, em 2017, e neste ano não foi diferente. Diante da compatriota Thamires Aquino, Mayssa impôs seu jogo e anotou 1 a 0 nas vantagens para faturar o tricampeonato.

55kg – Bia Basílio desceu de peso, mas seguiu no topo do pódio. Após brilhar na divisão até 55kg em 2018, neste ano ela subiu de classe e, diante da belga Amal Amjahid, atual campeã da categoria, anotou um triunfo por 4 a 2 nos pontos para sair campeã.

62kg – após não passar pela qualificatória brasileira no ano passado, Bia Mesquita voltou com tudo para o World Pro 2019. A experiente faixa-preta brilhou nas lutas anteriores e, na final, não foi diferente. Contra a sensação Ffion Davies, Bia começou atrás, mas virou para 10 a 2 nos pontos em grande exibição.

https://www.instagram.com/p/Bwt9vsFHd6o/

70kg – Thamara Silva dominou sua divisão durante toda a temporada, conquistando quatro medalhas de ouro em cinco etapas do Abu Dhabi Grand Slam. O “grand finale” veio com o título via finalização no World Pro: uma chave de braço sobre Alessandra Moss.

90kg – espetacular. Assim pode ser descrita a temporada 2018/19 da UAEJJF para Gabi Pessanha. Lutando entre as faixas-preta, a jovem faixa-marrom brilhou e, além de conquistar todos os cinco eventos do Grand Slam, finalizou Claire-France Thevenon com um triângulo para garantir o ouro no World Pro.

Veja os resultados completos abaixo:

Masculino adulto faixa-preta
56kg – Hiago George derrotou Bebeto Oliveira por 2 a 0 nas vantagens (2 a 2 nos pontos)
62kg – Gabriel Sousa derrotou João Miyao por 2 a 1 nas vantagens (2 a 2 nos pontos)
69kg – Paulo Miyao derrotou Isaac Doederlein por uma punição (2 a 2 nos pontos e 1 a 1 nas vantagens)
77kg – Tommy Langaker finalizou Oliver Lowell com um estrangulamento pelas costas
85kg – Rudson Mateus derrotou Faisal Al Kitbe por decisão dos árbitros (empate nos pontos, vantagens e punições)
94kg – Kaynan Duarte finalizou Adam Wardzinski com uma chave de pé
110kg – João Gabriel Rocha finalizou Yahia Al Hammadi com um estrangulamento pelas costas

Feminino adulto faixas-marrom/preta
49kg – Mayssa Bastos derrotou Thamires Aquino por 1 a 0 nas vantagens (0 a 0 nos pontos)
55kg – Bia Basílio derrotou Amal Amjahid por 4 a 2 nos pontos
62kg – Bia Mesquita derrotou Ffion Davies por 10 a 2 nos pontos
70kg – Thamara Silva finalizou Alessandra Moss com uma chave de braço
90kg – Gabi Pessanha finalizou Claire-France Thevenon com um triângulo

*Direto de Abu Dhabi, nos Emirados Árabes

Veja também

publicidade

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade