Delegação de Mato Grosso do Sul quer força máxima no desafio entre estados do Brasileiro da CBJJD

    Delegação do Mato Grosso Sul foi em peso para a edição de 2018 no Rio (Foto: Reprodução)

    Após um ótimo desempenho no Brasileiro da CBJJD em 2018 quando conquistou a quarta colocação geral no quadro de medalhas, a delegação do Mato Grosso do Sul quer entrar em peso na edição de 2019 no Parque Olímpico (RJ). Fábio Rocha, presidente da FJJD-MS, exaltou a proposta das superlutas entre estados, mas disse que por falta de apoio com o transporte para se deslocar até o Rio, não poderá levar todos os atletas.

    “A proposta da CBJJD vem para valorizar os atletas que se destacam nos seus estados, proporcionando uma visibilidade muito maior para os atletas que se destacam. A montagem segue o padrão de escolher os melhores atletas do ranking, mas infelizmente não podemos trazer todos”, disse o presidente Fábio Rocha à TATAME, que seguiu:

    “Ano passado o governo do estado nos ajudou com o transporte e, além de participar das superlutas, conseguimos a quarta colocação no geral. Mas, até agora não obtivemos êxito no transporte e a federação local FJJD-MS irá custear a ida dos atletas”, concluiu.

    Vale frisar que o Campeonato Brasileiro é a quarta etapa do Circuito Rio Mineirinho e conta pontos para ranking. Ao fim da temporada serão distribuídas passagens internacionais para competições da AJPTour e também da própria CBJJD em Campo Grande (MS).

    SERVIÇO:

    Campeonato Brasileiro – 4ª etapa do ranking
    Data:
     25 e 26 de maio de 2019
    Local: Velódromo do Parque Olímpico (RJ)
    Inscrição: aqui

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome