Em busca de uma chance no UFC, Gian Siqueira espera vitória rápida na Sérvia: ‘Vou mostrar que sou capaz’

    Catarinense luta este sábado (4) contra Nebojsa Mrsic no Serbian Battle Championship (Foto Marcio Valle / Primeiro Round)

    Aos 24 anos, Gian “Pitbull” Siqueira é uma das jovens promessas brasileiras que, aos poucos, tenta se firmar no concorrido mercado do MMA. O catarinense de Blumenau vivia uma grande fase no esporte, com seis vitórias seguidas e quatro anos de invencibilidade. Mas, em sua última luta, que aconteceu em janeiro pelo M-1, realizado em Harbin, na China, ele perdeu em uma decisão polêmica, o que atrapalhou seus planos. No entanto, neste sábado (4), ele terá a chance de dar a volta por cima. Escalado para enfrentar o local Nebojsa Mrsic no Serbian Battle Championship 21, que acontece na Sérvia, ele planeja vencer por nocaute ou finalização.

    “Minha expectativa é vencer em uma luta rápida. Não quero mais ser prejudicado pelos juízes, então vou fazer acontecer! A última luta todos sabem que não perdi. Fui roubado! Pedi uma revanche e não aceitaram. Aprendi que não vou mais deixar nas mãos dos juízes. Meu adversário é bem versátil na parte de trocação. Ele usa muito os chutes, mas acredito que isso vai facilitar a luta. Meu chão é de alto nível e, se ficar ruim em pé, com certeza vou derrubar para finalizar”, disse Gian.

    O atleta da Astra Fight Team tem no currículo 20 lutas de MMA. Destas, ele venceu 16, com direito a seis nocautes e seis finalizações. No sábado, o meio-médio brasileiro quer vencer de forma convincente e mostrar que está pronto para os grandes eventos de MMA.

    “Sou jovem, mas já passei por todas as experiências. Depois dessa vitória eu quero uma oportunidade no maior evento do mundo, o UFC. Quero essa chance para mostrar quem eu sou e do que sou capaz! Tenho certeza que no meu peso eu sou um dos melhores”.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome