Kayla Harrison bate brasileira na estreia da PFL 2019; Glaico e Boy Doido vencem

A noite de quinta-feira (9) marcou o início da temporada de 2019 da PFL (Professional Figthers League). O evento de abertura teve em ação duas categorias: peso-pena (feminina) e peso-meio-médio (masculina). O destaque do primeiro card foi para a campeã olímpica Kayla Harrison. A norte-americana derrotou a brasileira Larissa Pacheco por decisão unânime após três rounds de amplo domínio sobre a oponente.

O co-main event contou com o campeão meio-médio da temporada passada. Magomed Magomedkerimov estreou com uma bela vitória sobre John Howard por finalização. O russo pegou o adversário em uma guilhotina no fim do primeiro round.

Um dos destaques da primeira temporada, Ray Cooper III também estreou com finalização em 2019. O lutador superou Zane Kamaka com um mata-leão no segundo round. Sarah Kaufman, ex-campeã do Strikeforce e Invicta FC, foi outra que venceu por finalização. A canadense bateu Morgan Frier com um triângulo.

Além de Larissa, que foi derrotada na luta principal, o Brasil foi representado nesta primeira rodada por Glaico Franca e Handesson “Boy Doido” Ferreira. O primeiro, ex-UFC, finalizou Gamzat Khiramagomedov ainda no assalto inicial com um mata-leão. Já o segundo, que lutou também na liga em 2018, derrotou Bojan Velickovic por decisão unânime.

CONFIRA OS RESULTADOS:

PFL 12
Nova York, Estados Unidos
Quinta-feira, 9 de maio de 2019

Card principal
Kayla Harrison derrotou Larissa Pacheco por decisão unânime dos jurados
Magomed Magomedkerimov finalizou John Howard com uma guilhotina no R1
Ray Cooper III finalizou Zane Kamaka com um mata-leão no R2
Sarah Kaufman finalizou Morgan Frier com um triângulo no R1
Sadibou Sy derrotou David Michaud por nocaute técnico no R1

Card preliminar
Handesson Ferreira
derrotou Bojan Velickovic por decisão unânime dos jurados
Bobbi Jo Dalziel derrotou Genah Fabian por decisão unânime dos jurados
Glaico Franca finalizou Gamzat Khiramagomedov com um mata-leão no R1
Chris Curtis derrotou Andre Fialho por nocaute técnico no R3
Roberta Samad derrotou Moriel Charneski por decisão unânime dos jurados

DEIXE UMA RESPOSTA

Comente
Seu nome