Seleção brasileira de Taekwondo faz campanha histórica no Mundial de Manchester; veja como foi

Seleção Brasileira de Taekwondo voltou com um resultado histórico do Mundial de Manchester (Foto: Divulgação/CBTKD)

A Seleção Brasileira de Taekwondo realizou, em Manchester, na Inglaterra, a sua melhor campanha em Campeonatos Mundiais, em número de medalhas, com cinco conquistas. Foram duas pratas e três bronzes, no torneio realizado entre os dias 16 e 19 de maio. Neste domingo (19), foram duas medalhas de prata com Ícaro Miguel e Caroline Gomes, enquanto Maicon Andrade levou o bronze.

Ícaro e Caroline levaram o Brasil de volta às decisões de campeonato mundial, após 14 anos. As últimas decisões foram em 2005, com Ouro de Natalia Falavigna e prata de Márcio Wenceslau. Com as conquista em Manchester, o Brasil chega à soma de 19 medalhas em Campeonatos Mundiais de Taekwondo, categoria adulta.

A primeira decisão veio com Icaro Miguel, atleta de São Caetano, de 22 anos. Oitavo colocado no ranking mundial, Ícaro derrotou três fortes adversários até chegar à decisão da categoria até 87kg, contra o russo Vladislav Larin, que levou a melhor por 19 a 9.

Na final, o brasileiro saiu na frente, mas no segundo round não conseguiu escapar de golpes que atingiram o capacete e aumentaram a vantagem do adversário. No último período, Ícaro foi agressivo, aplicou uns golpes, mas não conseguiu alcançar o russo.

Na sequência, foi a vez da decisão feminina, até 62kg, com Caroline Gomes. Com 22 anos, a lutadora conquistou o título de vice-campeã do mundo da categoria ao enfrentar na decisão Iren Yaman, da Turquia, atual número um do ranking mundial e bicampeã mundial.

Na final, Caroline não conseguiu impor seu forte ritmo de luta e o combate terminou 21 a 7. Antes disto, a brasileira venceu quatro adversárias, começando por Yala Valinejad, do Irã (39 a 19). Em seguida, bateu Teodora Mitrovi e Marta Gomes, ambas da Espanha, por 27 a 2 e 25 a 5, respectivamente. Na semifinal, contra a croata Bruna Vuletic, Caroline abriu o placar e manteve a dianteira do acirrando confronto, vencendo por 14 a 11.

Ainda no domingo, Maicon Andrade garantiu a terceira colocação da categoria acima de 87kg, após três vitórias e uma derrota, na semifinal, contra Rafael Alba, de Cuba. Na decisão, o brasileiro buscou o resultado até os últimos instantes, mas não conseguiu alcançar o placar que terminou 17 a 13. Medalha de Bronze nos Jogos Olímpicos Rio 2016, Maicon entra no seleto grupo nacional que conquistou medalhas nas duas competições mais importantes do esporte.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comente
Seu nome