Atual campeão e em grande fase, Lucas Hulk ‘vai tranquilo’ para o Mundial 2019: ‘Já estou embalado’

Publicado em 24/05/2019 por: Nilmon

publicidade

Por Vitor Freitas

Atleta de maior destaque na Atos San Diego, liderada pelo multicampeão André Galvão, Lucas “Hulk” Barbosa vai defender seu título mundial no próximo fim de semana, em Long Beach, na Califórnia (EUA). Para o Mundial 2019 da IBJJF, Hulk, apelido do craque, encorporou seu personagem, de fato. Com o topo do cabelo pintado de verde, Lucas quer usar seus poderes para superar os oponentes na divisão meio-pesado.

Em conversa com a TATAME, o faixa-preta contou como se sente antes do maior torneio do Jiu-Jitsu do mundo e analisou a divisão meio-pesado, uma das mais disputadas do evento.

“Eu vou sendo o atual campeão mundial e também venho de boas conquistas, tem uma certa tensão. Mas eu estou tranquilo. Nada mudou, entende? Eu estou bem animado mesmo para defender o título. Me sinto bem tranquilo. Os tops do campeonato ainda estão lá, então geralmente são os mesmos atletas. Isso é bem legal, é só ver como vai ser a chave. Mas assim, não estou surpreso com a divisão, não. É sempre disputada”, contou.

Depois do Mundial, Hulk ainda tem outros compromissos importantes marcados para até o fim do ano. Na temporada sem quimono, o casca-grossa vai brigar pelo ouro no Grand Prix No-Gi da IBJJF, em agosto, e o ADCC, em setembro, também na Califórnia.

“O sem quimono faz parte do meu treino. Treinar sem quimono me ajuda muito nas técnicas. Eu gosto muito de treinar nesse estilo. Só vou intensificar e manter o foco, porque eu já estou embalado para o Mundial. Vou dar um descanso para a mente depois do Mundial, mas não por muito tempo. Esses três meses que estão por vir aí vão ser mais de foco e de dedicação. Estou bem animado para lutar o ADCC, vai ser o meu primeiro. Sempre foi um sonho lutar esse torneio e estou bem confiante. Meu jogo é bem favorável para esse tipo de luta como é o ADCC, nessas regras também. E eu acredito que vou ser campeão. Tem vários atletas duros, mas eu acredito que meu jogo ganhe de todos eles. Agora é chegar lá e mostrar”, apostou Lucas, escalado na divisão até 99kg do ADCC.

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade