Cara de Sapato é assaltado em SP, perde relógio e diz: ‘Poderia ter sido trágico’

    Cara de Sapato vem de derrota para Ian Heinisch no último dia 18, no UFC Rochester (Foto: Getty Images)

    Após Jéssica Bate-Estaca, campeão do UFC, sofrer um assalto no Rio de Janeiro no fim de maio, o também atleta do Ultimate Antônio Cara de Sapato foi vítima da violência urbana. O peso-médio sofreu um assalto na tarde de sexta-feira (7) em São Paulo. O lutador, que atualmente mora na Flórida (EUA), estava na capital paulista para alguns compromissos profissionais. Em sua conta no Instagram, o campeão do TUF Brasil relatou o momento de tensão, que contou com disparos do bandido.

    “Cheguei aqui no Brasil para resolver algumas coisas e acabei de levar um susto. Deram um tiro no carro da gente. Acabei de ser assaltado, graças a Deus levaram só meu relógio, não levaram mais nada. Obrigado, inclusive, à PM que ajudou a gente, porque, se não fosse por eles, teriam levado tudo. Deram até um tiro, resvalou no carro da gente, no carro do lado, mas graças a Deus não aconteceu nada com o rapaz que estava nesse carro. Eu ainda estou meio em choque, mas fica o alerta pra todo mundo… Para tomar cuidado”, disse Cara de Sapato, que deixou um pedido para as autoridades.

    “Agradecer a Deus, porque hoje poderia ter sido um momento trágico, mas estou bem, todo mundo está bem. Um alerta à galera do governo, para cuidar dessa parte da segurança pública. Mas graças a Deus estava a galera da PM e não aconteceu nada”.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome