Após nocautear Sonnen, Lyoto coloca Mousasi e Ryan Bader como alvos: ‘Gostaria de lutar contra os dois’

Publicado em 17/06/2019 por: Nilmon
Após nocautear Sonnen, Lyoto coloca Mousasi e Ryan Bader como alvos: ‘Gostaria de lutar contra os dois’

publicidade

Lyoto Machida realizou a sua segunda luta no Bellator na última sexta-feira (14), no badalado card em Nova York (EUA). O “Dragão” derrotou Chael Sonnen por nocaute técnico no segundo round e, ainda no cage, o norte-americano anunciou sua aposentadoria do MMA. Por curiosidade, essa foi a terceira despedida que Lyoto participou, e o saldo é positivo. Antes, também nocauteou Randy Couture e Vitor Belfort – ambos pelo UFC.

Ao ser indagado sobre o retrospecto positivo diante da aposentadoria de grandes nomes rivais, Lyoto classificou como um “momento especial” e chamou os três lutadores de “lendas”. Ele ainda comentou a decisão de Sonnen de colocar um ponto final na carreira.

“Para ser honesto, eu não acho nada sobre isso. Eu sinto que é uma honra fazer parte dessas histórias e dividir o cage com Chael Sonnen, Randy Couture e Vitor Belfort, porque eu considero esses caras lendas do esporte. É difícil dizer algo sobre isso, porque você tem que respeitar o tempo de todos. Se Chael acha que precisa se aposentar, temos que respeitar sua decisão e apreciar o que ele fez pelo esporte”, disse Lyoto em coletiva.

Já sobre o seu futuro dentro do Bellator, Lyoto deixou claro que pode lutar com Gegard Mousasi, campeão dos médios, ou Ryan Bader, dono dos títulos dos meio-pesados e pesados. Ambos os lutadores, Machida já enfrentou e venceu em seu período no UFC. Na coletiva, porém, o brasileiro destacou a evolução dos dois nos últimos anos.

“Eu lutei contra eles há alguns anos, então eu reconheço que eles melhoraram muito, eles mudaram um pouco. Cada luta tem o seu caminho específico, então acredito que é difícil dizer agora quem será o mais difícil, mas vamos ver. O Bader fez um ótimo trabalho na divisão dos pesados. Ele venceu o Fedor, um dos maiores nomes do esporte. Fiquei impressionado com isso, mas gostaria de lutar contra os dois (Bader e Mousasi)”, concluiu.

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade