Amanda lidera pagamentos do UFC 239; quarteto leva longa suspensão médica

    Amanda Nunes faturou, ao todo, 550 mil dólares em vitória sobre Holm no UFC 239 (Foto Getty Images)

    Realizado no último sábado (6), em Las Vegas (EUA), o UFC 239 contou com grandes estrelas do MMA em ação e isso foi revertido nas bolsas pagas aos atletas. Campeã dupla da organização e um dos destaques do evento ao nocautear Holly Holm ainda no primeiro roumd, Amanda Nunes liderou a lista de pagamentos e, ao todo, faturou 550 mil dólares.

    Vitorioso contra Thiago Marreta na luta principal, o campeão meio-pesado Jon Jones recebeu uma taxa fixa de 500 mil dólares. Ou seja, o valor já estava garantido, independentemente do resultado do confronto. Enquanto isso, o brasileiro levou 350 mil dólares, também em taxa fixa, assim como Holm, que anotou a quantia de US$ 300 mil.

    Veja as bolsas de cada atleta no UFC 239:

    Amanda Nunes: US$ 550.000 – US$ 300.000 pela luta, US$ 200.000 pela vitória e mais US$ 50.000 pela Performance da Noite
    -Jon Jones: US$ 500.000 (taxa fixa)
    Thiago Marreta: US$ 350.000 (taxa fixa)
    Holly Holm: US$ 300.000 (taxa fixa)
    -Jorge Masvidal: US$ 250.000 – US$ 100.000 pela luta, US$ 100.000 pela vitória e mais US$ 50.000 pela Performance da Noite
    Ben Askren: US$ 210.000
    -Jan Blachowicz: US$ 142.000 – US$ 46.000 pela luta, US$ 46.000 pela vitória e mais US$ 50.000 pela Performance da Noite
    Luke Rockhold: US$ 200.000
    Michael Chiesa: US$ 104.000 – US$ 52.000 pela luta e US$ 52.000 pela vitória
    Diego Sanchez: US$ 103.000
    Arnold Allen: US$ 64.000 – US$ 32.000 pela luta e US$ 32.000 pela vitória
    Gilbert Melendez: US$ 200.000
    Marlon Vera: US$ 96.000 – US$ 48.000 pela luta e US$ 48.000 pela vitória
    Nohelin Hernandez: US$ 12.000
    Claudinha Gadelha: US$ 102.000 – US$ 52.000 pela luta e US$ 52.000 pela vitória
    Randa Markos: US$ 30.000
    Song Yadong: US$ 140.000 – US$ 45.000 pela luta, US$ 45.000 pela vitória e mais US$ 50.000 pela Performance da Noite
    Alejandro Perez: US$ 42.000
    Edmen Shahbazyan: US$ 32.000 – US$ 16.000 pela luta e US$ 16.000 pela vitória
    -Jack Marshman: US$ 30.000
    Chance Rencountre: US$ 28.000 – US$ 14.000 pela luta e US$ 14.000 pela vitória
    -Ismail Naurdiev: US$ 14.000
    -Julia Avila: US$ 20.000
    Pannie Kianzad: US$ 12.000

    Suspensões médicas

    Após a realização do UFC 239, como já é de praxe, a Comissão divulgou as suspensões médicas dos lutadores que estiveram em ação no card. Destes, destacam-se os “ganchos” recebidos por Jon Jones, Thiago Marreta e Luke Rockhold, assim como Claudinha Gadelha.

    Vencedor na luta principal, Jones precisará passar por uma radiografia no pé esquerdo e, caso não tenha a liberação de um ortopedista, receberá suspensão médica até o dia 3 de janeiro de 2020. Quem recebeu o mesmo prazo foi Marreta, que lesionou o joelho esquerdo no duelo contra “Bones”, já vinha de cirurgia no direito e precisará de um longo tempo de recuperação. Por fim, Rockhold, nocauteado por Jan Blachowicz na edição, sofreu uma fratura na mandíbula esquerda e deverá passar por uma cirurgia oral e maxilofacial.

    Confira as suspensões médicas do UFC 239:

    Jon Jones: Deve ter o pé esquerdo radiografado. Se a lesão for confirmada, deve ter autorização de um ortopedista ou nenhuma luta até 03/01/20. Suspensão mínima até 21/08/19, sem contato até 06/08/19

    Thiago Marreta: Deve ter a mão esquerda radiografada e a ressonância magnética do joelho esquerdo. Se a lesão for confirmada, deve ter autorização de um médico ortopedista ou nenhuma luta até o dia 03/01/20. Suspensão mínima até 06/08/19, sem contato até 28/07/19

    Holly Holm: Suspensa até 05/09/19, sem contato até 21/08/19

    Ben Askren: Suspenso até 05/09/19, sem contato até 21/08/19

    Luke Rockhold: Deve ter cirurgia oral e maxilofacial, com autorização de um médico para fratura de mandíbula esquerda ou nenhuma luta até 03/01/20. Suspensão mínima até 05/09/19, sem contato até 21/08/19

    Michael Chiesa: Deve ter a mão esquerda radiografada. Se a lesão for confirmada, deve ter autorização de um médico ortopedista ou nenhuma luta até 03/01/20

    Diego Sanchez: Suspenso até 06/08/19, sem contato até 28/07/19

    Gilbert Melendez: Suspenso até 21/8/19, sem contato até 06/08/19

    Marlon Vera: Suspenso até 06/08/19, sem contato até 28/07/19

    Claudinha Gadelha: Deve ter a mão direita radiografada. Se a lesão for confirmada, deve ter autorização de um médico ortopedista ou nenhuma luta até 03/01/20

    Randa Markos: Deve ter a mão esquerda radiografada. Se a lesão for confirmada, deve ter autorização de um médico ortopedista ou nenhuma luta até 03/01/20

    Song Yadong: Deve ter o pé direito radiografado e ressonância magnética do joelho esquerdo. Se a lesão for confirmada, deve ter autorização de um médico ortopedista ou nenhuma luta até 03/01/20. Suspensão mínima até 06/08/19, sem contato até 28/07/19

    Alejandro Perez: Suspenso até 05/09/19, sem contato até 21/08/19

    Jack Marshman: Suspenso até 21/07/19, sem contato até 14/07/19

    Julia Avila: Suspensa até 21/8/19, sem contato até 06/08/19 devido a corte acima do olho direito

    Pannie Kianzad: Suspenso até 05/09/19, sem contato até 21/08/19

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome