Brasileiros Klidson Abreu, Jennifer Maia e Cabocão triunfam no card preliminar do UFC San Antonio

    Meio-pesado do UFC, Klindson Abreu conquistou o primeiro triunfo na franquia (Foto: Getty Images)

    Na noite deste sábado (20), o Brasil saiu com saldo positivo do card preliminar do UFC San Antonio, no Texas (EUA). Em quatro combates, foram três vitórias e apenas uma derrota. Klidson Abreu, Jennifer Maia e Felipe Cabocão venceram por decisão dos jurados. Já o estreante Gabriel Silva teve boa performance, mas foi superado pelo experiente Ray Borg.

    Klindson domina Alvey e vence primeira no UFC

    O confronto teve um primeiro round morno, com os dois lutadores encontrando dificuldades para colocar suas estratégias, contudo, já no fim Klidson Abreu acelerou e conseguiu bons golpes. No segundo assalto, o brasileiro teve ataques mais precisos, enquanto Sam Alvey tentava encurtar e fazer o jogo de clinch na grade. Para o terceiro assalto, “Smile” foi para cima e tentou ser mais agressivo. O ex-campeão do Brave circulou bem o cage e, ainda assim, colocou os melhores golpes. O manauara conhece a primeira vitória no UFC. Já Alvey fica em situação delicada na franquia com o terceiro revés seguido.

    Jennifer tem atuação segura e embala no UFC

    Como o ponto forte de Jennifer Maia é a trocação, Roxanne Modafferi neutralizou parcialmente o jogo da oponente com um primeiro round todo desenvolvido no clinch. No entanto, a brasileira aplicou boas combinações de jab-direto. Para o assalto seguinte, a curitibana manteve a distância por mais tempo e trabalhou melhor o seu jogo. No último round, o panorama seguiu o mesmo, com Jennifer aplicando os golpes mais contundentes. A brasileira venceu a revanche e chegou ao segundo triunfo consecutivo no peso-mosca.

    Ray Borg supera estreante Gabriel Silva

    O primeiro round foi cheio de alternativas. Gabriel Silva conquistou uma bela queda e colocou alguns golpes no chão. Logo depois, Ray Borg tentou fazer o jogo de grappling na grade, no entanto, o brasileiro defendeu e inverteu a posição. Já para o segundo assalto, o norte-americano foi no double leg, derrubou o capixaba e encaixou uma guilhotina, mas o lutador da Team Nogueira defendeu com técnica. Gabriel, em seguida, reverteu a posição e impôs o seu volume de jogo. No terceiro round, Borg voltou a encurtar e trabalhou por quase todo o round o seu jogo na luta agarrada. Após duas derrotas seguidas, “Tazmexican Devil” volta a vencer no UFC. Já Gabriel estreia com derrota na organização.

    Cabocão conhece primeira vitória no UFC

    O peso-galo Felipe Cabocão iniciou o combate se aproximando, colocando o adversário na grade e aplicou cotoveladas. Na metade do round, Domingo Pilarte saiu da pressão. No entanto, já no minuto final, o brasileiro derrubou e trabalhou o ground and pound. Para o segundo assalto o panorama seguiu o mesmo: o Cabocão encurtou rápido e trabalhou na grande. No entanto, Pilarte começou a buscar as costas do brasileiro e passou a responder com ataques efetivos. Já no último round, foi a vez do norte-americano colocar o seu jogo de grappling em prática. Por decisão dividida, o brasileiro levou a melhor e conheceu a primeira vitória no UFC. Já Domingo estreia com derrota na franquia.

    Outros destaques do card preliminar

    Na última luta do card preliminar, Alex Caceres mostrou sua técnica em pé e derrotou Steven Peterson por decisão unânime. Ex-desafiante ao cinturão dos galos, Raquel Pennington derrotou Irene Aldana por decisão dividida, em um combate muito disputado durante três rounds. Em luta animada pelo peso-galo, Mario Bautista derrotou Jim Soo Son por decisão unânime e chegou ao primeiro triunfo no UFC.

    CONFIRA OS RESULTADOS:

    UFC on ESPN 4
    Sábado, 20 de julho de 2019
    San Antonio, no Texas (EUA)

    Card preliminar
    Alex Caceres derrotou Steven Peterson por decisão unânime dos jurados
    Raquel Pennington derrotou Irene Aldana por decisão dividida dos jurados
    Klidson Abreu derrotou Sam Alvey por decisão unânime dos jurados
    Jennifer Maia derrotou Roxanne Modafferi por decisão unânime dos jurados 
    Ray Borg derrotou Gabriel Silva por decisão unânime dos jurados
    Mario Bautista derrotou Jim Soo Son por decisão unânime dos jurados
    Felipe Cabocão derrotou Domingo Pilarte por decisão dividida dos jurados

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome