Ngannou diz que ‘sabia tudo’ de Cigano e pressiona Dana: ‘Mereço lutar pelo título’

Publicado em 01/07/2019 por: Nilmon
Ngannou diz que ‘sabia tudo’ de Cigano e pressiona Dana: ‘Mereço lutar pelo título’

publicidade

Após nocautear Cain Velásquez em menos de 30 segundos no começo deste ano, Francis Ngannou precisou de apenas 71 segundos para derrotar o também ex-campeão Junior Cigano, na luta principal do UFC Minneapolis, no último sábado (29). O camaronês, então, disse que deseja receber o title shot nos pesados e pressionou o presidente Dana White.

“Eu só estava dizendo a ele que mereço algum crédito. Mereço o title shot, porque é a única coisa que faz sentido para mim agora. Ele disse que vamos conversar sobre isso, mas presumo que isso signifique um ‘sim’, né”, disse em coletiva de imprensa após o evento.

Embalado novamente, com três vitórias seguidas, Ngannou já teve a oportunidade de disputar o cinturão dos pesados, mas foi dominado pelo então campeão Stipe Miocic, que conseguiu diversas quedas contra o camaronês durante o combate. Ao ser questionado sobre como está sua defesa de quedas para encarar um wrestler de alto nível, o “Predador” disse que não precisa provar pra ninguém se teve ou não melhora em seu jogo.

“Não preciso convencer as pessoas (que posso vencer este tipo de jogo). Só preciso ir lá e lutar. Como eu convenceria as pessoas que venceria Junior hoje? A única coisa que vai convencer as pessoas é o resultado”, afirmou Ngannou, destacando que pode ficar de stand-by caso Daniel Cormier, campeão da categoria dos pesados, ou Stipe Miocic saiam do confronto que acontece no dia 17 de agosto, pelo UFC 241, em Anaheim (EUA).

“Eu mereço a disputa pelo título? Eu acho que a resposta é sim. Então, o que acontece se alguém se machucar? Eu só quero que eles me deem o contrato do título. Nós teremos tempo para nos prepararmos e colocarmos as coisas juntas. Se ‘DC’ ganhar e decidir se aposentar, a divisão não ficará sem um campeão. Eles terão que descobrir alguma coisa, e eu vou estar na linha de frente. Eu não estou preocupado com isso”, destacou Francis.

Em relação ao nocaute sobre Junior Cigano no UFC Minneapolis, Ngannou revelou que estava tranquilo e que conhecia cada passo do ex-campeão dentro do octógono: “Eu conheço o jogo dele, sei tudo sobre seu jogo. Sei como ele trabalha, como ele trabalha com seu jogo mental, como trabalha sua trocação, sua estratégia, tudo”, encerrou o camaronês.

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade