Ícone da arte suave e do Vale-Tudo, Murilo Bustamante recebe faixa coral de Jiu-Jitsu; confira como foi

Publicado em 05/08/2019 por: Nilmon
Ícone da arte suave e do Vale-Tudo, Murilo Bustamante recebe faixa coral de Jiu-Jitsu; confira como foi

publicidade

Por Yago Rédua

Na manhã do domingo (4), na sede da Brazilian Top Team (BTT), na Zona Sul do Rio de Janeiro, Murilo Bustamante reuniu diversas gerações do Jiu-Jitsu e grandes ícones do esporte para a sua graduação como faixa-coral (7º grau). O casca-grossa teve a nova faixa trocada pelo GM Álvaro Barreto e os Mestres Fernando Pinduka e Otávio Peixotinho.

Grandes referências do Jiu-Jitsu prestaram o seu depoimento e contaram sobre a importância de Murilo para a arte suave. A TATAME marcou presença na graduação e conversou com Bustamante, que relembrou o seu início no Jiu-Jitsu. Além disso, o Mestre aproveitou para enaltecer todos os amigos que marcaram presença na sua cerimônia.


Bustamante foi campeão peso-médio do UFC em 2002, quando derrotou Dave Menne por nocaute técnico. Em seguida, defendeu o posto contra Matt Lindland com uma finalização, no entanto, deixou o evento depois e foi para o lendário PRIDE. Ao todo, foram 15 vitórias, oito derrotas e um empate em seu cartel no Vale-Tudo/MMA, com a última luta em 2012.

Já no Jiu-Jitsu, Murilo foi campeão mundial em 1999, entre outros títulos importantes. Bustamante fez parte do grande time de Carlson Gracie em Copacabana, no Rio. Atualmente ele é o líder da BTT e respeitado por todos no universo das artes marciais.

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Instagram
Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade