Resumo do MMA: Amanda Nunes posa nua, Khabib ‘afasta’ superlutas e Pantoja encara Matt Schnell no UFC Coreia do Sul

Publicado em 05/09/2019 por: Mateus Machado
Resumo do MMA: Amanda Nunes posa nua, Khabib ‘afasta’ superlutas e Pantoja encara Matt Schnell no UFC Coreia do Sul Amanda Nunes é mais uma lutadora do UFC a posar nua nos Estados Unidos (Foto reprodução ESPN)

publicidade

Neste espaço, você encontra alguns dos principais destaques do mundo do MMA. Hoje, quinta-feira (5), trazemos uma entrevista com o campeão peso-leve Khabib Nurmagomedov onde o mesmo afastou as chances de realizar superlutas no UFC, a campeã dupla Amanda Nunes posando nua, Alexandre Pantoja x Matt Schnell no UFC Coreia do Sul, em dezembro, e Ryan Bader se intitulando o maior peso-pesado da história do MMA.

Amanda Nunes segue onda e posa nua

Atual campeã peso-galo e peso-pena do Ultimate, Amanda Nunes é mais uma lutadora a posar nua. Seguindo a onda de nomes como os lutadores Miesha Tate, Ronda Rousey, Jon Jones e Conor McGregor, a baiana estará na edição especial “Body Issue 2019” da revista “ESPN The Magazine” este ano, e compartilhou a notícia com seus fãs.

 

Ver essa foto no Instagram

 

#espnbodyissue2019

Uma publicação compartilhada por ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Amanda Nunes🦁 (@amanda_leoa) em

Khabib ‘afasta’ fazer superlutas

Às vésperas de defender pela segunda vez seu título peso-leve, no próximo sábado (7), contra Dustin Poirier, no UFC 242, que será realizado em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, Khabib Nurmagomedov não é daqueles que pensa em superlutas – o que se tornou “mania” no MMA – ou até mesmo buscar o título de outras divisões de peso. Na contramão de alguns dos principais lutadores do Ultimate, o russo afirmou, em teleconferência com a imprensa, que seu foco está em se manter invicto na categoria peso leve.

“Eu não acho que te ajuda (mudar de categoria). Só uma coisa te ajuda. Você tem que vencer os desafiantes. Acho que vencer oponentes duros e continuar invicto vai me ajudar a melhorar meu legado. Se você perde algumas vezes e vence um título, segundo título, (depois) você perde de novo, aí você ganha um terceiro título. Isso não te faz grande. Na minha opinião, quando você está invicto há um longo tempo e nunca perde, é isso que é a coisa real”, disse Khabib, de acordo com uma transcrição do site MMA Junkie.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Open workout Thank you so much for good energy all my fans #ufc242

Uma publicação compartilhada por Khabib Nurmagomedov (@khabib_nurmagomedov) em

Invicto no MMA, com incríveis 27 vitórias em seu cartel, Nurmagomedov tem 30 anos atualmente, o que significa ainda um bom período para seguir lutando em alto nível, caso seja o seu desejo. No entanto, pelo menos de acordo com o próprio lutador, será difícil vê-lo em superlutas ou até mesmo em outras categorias.

Pantoja enfrenta rival embalado

Em busca de recuperação na divisão dos moscas após perder seu último compromisso para Deiveson Figueiredo, em julho passado, Alexandre Pantoja terá uma pedreira pela frente em seu retorno ao octógono. Seu adversário será o americano Matt Schnell, que chega embalado por quatro triunfos seguidos no Ultimate e compartilhou a notícia do duelo em suas redes sociais. O confronto está previsto para acontecer no UFC Coreia do Sul, dia 21 de dezembro, mas ainda não foi confirmado oficialmente pela franquia.

Ryan Bader melhor peso-pesado

Prestes a defender seu título peso-pesado no próximo sábado (7), contra Cheick Kongo, no Bellator 226, Ryan Bader está com moral dentro da organização. Presidente da franquia, Scott Coker aproveitou o “hype” do duelo entre Stipe Miocic e Daniel Cormier, pelo título dos pesados no UFC 241, para classificar seu atleta como o melhor lutador da categoria até 120kg atualmente. Ao saber da declaração do chefe, o americano aproveitou para reforçar o discurso, sem qualquer tipo de modéstia quanto ao seu posto.

“Para mim, acredito nisso (ser o melhor peso-pesado do mundo no MMA). Se você não acreditar, você não deveria estar nesse esporte. Eu realmente acredito que sou o melhor do mundo. Agora que subi para os pesados, posso brilhar. É onde eu me sinto melhor em termos de agilidade, velocidade, condicionamento, sem contar com a força que eu ganho. Foi bacana ter esse tipo de reconhecimento, agora eu só preciso continuar meu trabalho para provar que sou o melhor”, disse Bader, de 36 anos, ao site MMA Fighting.

Com um cartel de 27 vitórias e cinco derrotas no MMA profissional, Ryan Bader, além de ser campeão peso-pesado do Bellator, também tem em sua posse o título meio-pesado e está invicto em cinco lutas realizadas.

 

Ver essa foto no Instagram

 

One min breakdown with @robinblackmartialarts up again in a week on @dazn_usa @bellatormma 226 • • • #lefthook #fedor #heavyweightchamp #lfg #sanjose

Uma publicação compartilhada por Ryan Bader (@ryanbader) em

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade