Equipe Umbra/Vasco tem saldo positivo na Seletiva Nacional de Judô e coloca duas atletas na seleção brasileira sub-18

Publicado em 29/10/2019 por: Yago Redua
Equipe Umbra/Vasco tem saldo positivo na Seletiva Nacional de Judô e coloca duas atletas na seleção brasileira sub-18 Beatriz Comanche foi campeã na Seletiva Nacional e garantiu vaga na seleção sub-18 (Foto divulgação)

publicidade

No último fim de semana, em Canoas (RS), a Umbra/Vasco da Gama participou da Seletiva Nacional de Judô. A equipe entrou no torneio sub-18 com sete competidores e conseguiu colocar duas atletas na seleção brasileira de base, casos de Beatriz Comanche e Jamily Elídio, além de Romário Vieira, que foi selecionado para o Meeting Nacional da Base.

Uma das grandes promessas da Umbra/Vasco, Beatriz conquistou a medalha de ouro na divisão até 48kg. A lutadora destacou sua forte preparação antes do torneio e comentou o peso do título para sua sequência.

“Eu me preparei muito para essa competição. Apesar de estar em uma nova categoria, a meio-leve (até 48kg), com grandes adversárias, eu sabia que estava bem preparada e com a cabeça boa para buscar novamente a vaga na seleção brasileira de base. Graças a Deus, consegui ‘soltar’ o que venho treinando e aperfeiçoando diariamente com a equipe técnica da Umbra/Vasco”, comentou Beatriz, que completou:

“É um título muito importante. A Seletiva Nacional é uma das principais competições que temos no calendário da nossa classe, sempre muito disputada e ser campeã abre novas oportunidades. Em 2020, estarei representando a seleção brasileira nos estágios internacionais com foco total para conquistar medalhas internacionais e buscar a vaga no Campeonato Panamericano sub-18”, disse a atleta, que também participou do Mundial sub-18 realizado no Cazaquistão, no último mês de setembro.

Sensei da Umbra/Vasco faz balanço da campanha

A Sensei Soraya Amorelli fez um balanço da trajetória da equipe Umbra/Vasco da Gama na Seletiva Nacional e projetou uma grande temporada para 2020. Além disso, a líder do time frisou que o elenco que foi para Canoas, no Rio Grande do Sul, tinha uma média de idade baixa e, por isso, o resultado celebrado.

“Foi uma ótima participação de toda a equipe. Conseguimos melhorar os resultados de anos anteriores na quantidade de atletas classificados, mesmo com uma equipe bem jovem e com muitos atletas em transição de categoria. Conseguimos desenvolver dentro da competição o que treinamos e garantimos classificações que são muito importantes já para o processo de ranqueamento em 2020. Romário Vieira (até 50kg) e Jamily Elídio (até 40kg), que estrearam na classe sub-18 com apenas 14 anos e já conquistaram classificações. Além disso, ainda ainda teve o título de campeã da jovem Beatriz Comanche pela primeira vez atuando na categoria meio-leve até 48kg. Eles demonstram que o trabalho vem sendo realizado com muita seriedade e seguiremos buscando para fazer de 2020 mais um ano vitorioso da equipe”, destacou Soraya.

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade