Demetrious é campeão de GP e Angela Lee, Nsang, Aoki e Bibiano brilham em card histórico do ONE

Publicado em 13/10/2019 por: Mateus Machado
Demetrious é campeão de GP e Angela Lee, Nsang, Aoki e Bibiano brilham em card histórico do ONE Demetrious Johnson faturou o GP peso-mosca do ONE Championship (Foto: Divulgação/ONE)

publicidade

O ONE Championship preparou um card dividido em duas partes para celebrar sua 100ª edição, que foi realizada neste domingo (13), em Tóquio, no Japão. Na parte inicial do evento, o main event teve o ex-campeão peso-mosca do UFC Demetrious Johnson fazendo a grande final do GP dos Moscas da franquia japonesa diante de Danny Kingad.

Após superar Yuya Wakamatsu e Tatsumitsu Wada durante o torneio, Demetrious começou o combate diante de Kingad suportando a pressão imposta pelo adversário. No entanto, com experiência e muita técnica, Johnson começou a controlar o duelo e foi superior em grande parte da luta, conseguindo boas quedas e combinações precisas de socos e cotoveladas. Por fim, o “Mighty Mouse” saiu vencedor por decisão unânime, conquistou o GP e o direito de enfrentar o brasileiro Adriano Moraes, atual campeão peso-mosca do ONE.

Outra grande atração ficou por conta de Angela Lee, que colocou seu título peso-átomo em jogo em revanche contra Jingnan Xiong, que tinha sido vencedora em março, em disputa do cinturão dos palhas. Nocauteada pela rival no primeiro encontro, Lee se recuperou e, em mais um embate bem disputado contra a chinesa, desta vez saiu vencedora, finalizando o duelo com um mata-leão no quinto round e mantendo a cinta em sua divisão de peso.

Irmão de Angela Lee, Christian Lee substituiu o ex-campeão do UFC Eddie Alvarez com dez dias de antecedência na finalíssima do GP dos Leves e fez bonito. Diante de Saygid Guseyn Arslanaliev, Christian teve boa atuação, superou Arslanaliev na unanimidade dos jurados e faturou o título do torneio, emplacando sua quarta vitória consecutiva na franquia asiática.

Nsang, Aoki e Bibiano brilham na outra parte do card 

A parte 2 do ONE Championship 100 também contou com um card de alto nível para os fãs de MMA. Atual campeão meio-pesado da organização, Aung La Nsang manteve seu título com uma atuação de gala contra o veterano Brandon Vera, nocauteando o americano no segundo round e emplacando seu sétimo triunfo consecutivo.

Com 36 anos e um extenso cartel no MMA, a lenda japonesa Shinya Aoki aumentou seu recorde no esporte para 44 vitórias ao superar Honorio Banario. Com grande apoio do público local, o japonês teve um desempenho brilhante e, utilizando sua técnica apurada no Jiu-Jitsu, finalizou o filipino com um D’arce choke em apenas 54 segundos de luta, recuperando-se da derrota sofrida para Christian Lee.

Em histórica tetralogia contra Kevin Belingon, o campeão peso-galo Bibiano Fernandes manteve seu título e voltou a derrotar seu rival, assim como já havia acontecido em março. Desta vez, o brasileiro fez ainda melhor e finalizou Belingon com um mata-leão no segundo assalto, conquistando a 24ª vitória de sua carreira no MMA.

RESULTADOS COMPLETOS: 

ONE Championship 100
Domingo, 13 de outubro de 2019
Tóquio, no Japão

Parte 1 
Angela Lee finalizou Jingnan Xiong com um mata-leão no 5R
Demetrious Johnson derrotou Danny Kingad por decisão unânime dos jurados
Christian Lee derrotou Saygid Guseyn Arslanaliev por decisão unânime dos jurados
Yuya Wakamatsu derrotou Dae Hwan Kim por decisão unânime dos jurados
Yushin Okami derrotou Agilan Thani por decisão dividida dos jurados
Itsuki Hirata finalizou Rika Ishige com um armlock no 2R
Lito Adiwang derrotou Senzo Ikeda por nocaute técnico no 1R
Chang Min Yoon finalizou Phoe Thaw com um mata-leão no 1R
Won Il Kwon derrotou Sunoto Peringkat por nocaute técnico no 1R

Muay Thai 
Janet Todd derrotou Ekaterina Vandaryeva por nocaute no 2R
Sam-A Gaiyanghadao derrotou Darren Roland por nocaute no 2R

Parte 2 
Aung La Nsang derrotou Brandon Vera por nocaute técnico no 2R
Shinya Aoki finalizou Honorio Banario com um D’arce choke no 1R
Bibiano Fernandes finalizou Kevin Belingon com um mata-leão no 2R
Arjan Bhullar derrotou Mauro Cerilli por decisão unânime dos jurados
Mei Yamaguchi derrotou Jenny Huang por decisão unânime dos jurados
Yosuke Saruta derrotou Daichi Kitakata por nocaute no 2R
Shoko Sato derrotou Rafael Morcego por nocaute técnico no 2R
Hiroyuki Tetsuka derrotou Hernani Perpétuo por decisão unânime dos jurados
Takasuke Kume derrotou Koshi Matsumoto por decisão unânime dos jurados

Rodtang Jitmuangnon derrotou Walter Gonçalves por decisão dividida (Muay Thai – Disputa de título no peso-mosca)
Giorgio Petrosyan derrotou Samy Sana por decisão unânime dos jurados (Kickboxing – Disputa de título no peso-pena)

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade