Douglas Lima domina Rory MacDonald, conquista GP dos Meio-Médios do Bellator e fatura US$ 1 milhão

Publicado em 27/10/2019 por: Diogo Santarém
Douglas Lima domina Rory MacDonald, conquista GP dos Meio-Médios do Bellator e fatura US$ 1 milhão Douglas Lima vingou se revés para MacDonald, recuperou o cinturão e levou mais de 4 milhões de reais (Foto Bellator MMA)

publicidade

Realizado no último sábado (26), novamente em Connecticut, nos Estados Unidos, o Bellator 232 teve como astro da noite o brasileiro Douglas Lima. Na luta principal, Douglas enfrentou – e dominou – Rory MacDonald pela final do GP dos Meio-Médios e reconquistou o cinturão da categoria. De quebra, o “Fenômeno” ainda vingou seu revés para Rory, em janeiro de 2018, e faturou o prêmio de 1 milhão de dólares.

Soberano do início ao fim, Douglas impôs seu jogo e não deu chances para um apático MacDonald. Diferente do primeiro encontro entre eles, quando o canadense venceu por decisão unânime, desta vez o resultado se inverteu, com o brasileiro dominante. Mostrando uma defesa de quedas em dia, o campeão evitou a luta no solo e foi minando Rory com golpes certeiros.

Após 25 minutos, Douglas Lima foi declarado vencedor por unanimidade e somou sua 32ª vitória no MMA, além de conquistar pela terceira vez o título dos meio-médios do Bellator. Em sua caminhada até o cinturão, além de MacDonald, o brasileiro passou por Andrey Koreshkov e Michael Page, por finalização e nocaute.

Nocautes e finalizações agitam o card

No co-main event, o inglês Paul Daley somou mais um triunfo por nocaute/nocaute técnico, o 33º da sua carreira – em 42 vitórias. Contra Saad Awad, Daley encaixou um certeiro cruzado de esquerda no segundo round e completou o trabalho no ground and pound, emplacando seu segundo resultado positivo seguido.

Patrick Mix, por sua vez, protagonizou a finalização mais bonita da noite. Em golpe raro, o americano aplicou uma chave de perna que pegou joelho, virilha e tudo que tinha direito até a desistência de Isaiah Chapman.

Ainda pelo card principal, Manny Muro surpreendeu Nick Newell, favorito nas casas de aposta, e derrotou o lutador que possui uma má formação congênita em seu braço esquerdo por decisão dividida. Já Kevin Ferguson Jr, o “Baby Slice”, filho do famoso – e falecido – Kimbo, precisou pouco mais de 30 segundos para bater Craig Campbell por nocaute técnico com uma série de cotoveladas na cabeça.

RESULTADOS COMPLETOS:

Bellator 232
Connecticut, nos Estados Unidos
Sábado, 26 de outubro de 2019

 
Card principal
Douglas Lima derrotou Rory MacDonald por decisão unânime dos jurados
Paul Daley derrotou Saad Awad por nocaute técnico no 2R
Patrick Mix finalizou Isaiah Chapman com uma chave de perna no 1R
Manny Muro derrotou Nick Newell por decisão dividida dos jurados
Kevin Ferguson Jr. derrotou Craig Campbell por nocaute técnico no 1R

Card preliminar
Lance Gibson Jr. derrotou Dominic Jones por nocaute no 1R
Devin Powell finalizou Marcus Surin com uma guilhotina no 2R
Zarrukh Adashev derrotou Tevin Dyce por nocaute técnico no 2R
Ryan Hardy Evans finalizou Demetrios Plaza com um mata-leão no 3R
Jornel Lugo derrotou John Douma por decisão unânime dos jurados
John Lopez derrotou Dan Cormier por decisão unânime dos jurados

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade