Favela Kombat 33 consagra novo campeão e tem ‘estreia de gala’ de jovem de 17 anos; confira

Publicado em 15/10/2019 por: Mateus Machado
Favela Kombat 33 consagra novo campeão e tem ‘estreia de gala’ de jovem de 17 anos; confira Favela Kombat 33 consagrou Uemerson “King” como novo campeão (Foto: João Baptista)

publicidade

Um grande público compareceu ao ginásio Esporte Clube Maricá, no Rio de Janeiro, na noite do último sábado (12), para acompanhar o evento que marcou a 33ª edição de um dos maiores eventos de MMA em regularidades do Brasil. Foram 12 lutas no Favela Kombat 33, sendo uma amadora de MMA e uma profissional de Muay Thai, como é característico do show.

Esta edição contou com resultados bem balanceados, afinal, foram quatro finalizações, três nocautes técnicos e quatro combates foram para a decisão dos árbitros.

Pelo cinturão meio médio interino, o atleta local Uemerson King iniciou o duelo dominando o centro do cage, tomando a iniciativa do combate e manteve este ritmo durante os cinco rounds de combate, sagrando-se campeão. Após a luta, o atleta de Maricá celebrou o triunfo.

“Foi uma luta muito difícil, o Delmar é um atleta duro e mesmo aceitando a luta de última hora, fez um grande combate, mas graças a Deus pude vencer e conquistar esse tão sonhado cinturão. Agora é continuar trabalhando forte”, disse King.

No co-evento principal, o atleta da equipe Brazilian Top Team, Robson Junior, teve atuação de gala e saiu ovacionado do cage do Favela Kombat. Mesmo com a pressão da sua estreia no MMA profissional e sua a pouca idade (17 anos), ele impôs seu jogo nos primeiros minutos de combate e encerrou sua estreia em pouco mais de um minuto, finalizando seu adversário, Jonathan “Papai”, com uma guilhotina.

Na melhor luta da noite, Marion Santos e Robert Wilson realizaram um combate de três rounds de ritmo acelerado. Após os 15 minutos de confronto, o jovem atleta da Baixada Fluminense saiu vencedor por decisão unanime da arbitragem.

RESULTADOS COMPLETOS:

Favela Kombat 33
Esporte Clube Maricá, Maricá (RJ)
Sábado, 12 de outubro de 2019

Raylander Rodrigues derrotou Claudio Santos por finalização
Rebeca Basílio derrotou Marcela Assunção por decisão dos jurados
Jorge Melo derrotou Daniel Araújo por nocaute técnico
Lucas “Neguinho” derrotou Lucas “Sorriso” por finalização
Ronildo Cabral derrotou Taffarel Brasil por finalização
Albert “Maldito” derrotou Leandrinho Guerreiro por nocaute técnico
Marion Santos derrotou Robert Wilson por decisão dos jurados
Pablo Correia derrotou Paulo Roberto por interrupção médica
Robson Junior derrotou Jhonatan “Papai” por finalização
Uemerson “King” derrotou Delmar “Dell” por decisão

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade