Resumo do MMA: Sheymon é dispensado pelo UFC; Do Bronx e Carcacinha no card de São Paulo

Publicado em 04/10/2019 por: Mateus Machado
Resumo do MMA: Sheymon é dispensado pelo UFC; Do Bronx e Carcacinha no card de São Paulo Sheymon Moraes foi dispensado pelo UFC após cinco lutas na organização (Foto: Reprodução/Instagram)

publicidade

Integrante do plantel do UFC desde 2017, Sheymon Moraes não faz mais parte da organização. Na última quinta-feira (3), através de suas redes sociais, o lutador peso-pena anunciou que foi dispensado pela franquia, onde realizou cinco lutas ao todo. Durante o período, o carioca contabilizou vitórias contra Matt Sayles e Julio Arce, no entanto, foi derrotado por Zabit Magomedsharipov, Sodiq Yusuff e Andre Fili, sendo as duas últimas de forma consecutiva.

“Fala, galera. Infelizmente, venho aqui dar uma triste notícia, que hoje eu já não faço mais parte do UFC. Mas é isso aí, vida que segue”, escreveu Sheymon em sua publicação nas redes sociais.

Com 28 anos, Sheymon Moraes luta MMA profissionalmente desde 2012 e, desde então, construiu um cartel de 11 vitórias e quatro derrotas. O brasileiro, em um dos seus grandes momentos na carreira, chegou a disputar o cinturão peso-galo do extinto evento WSOF, chamado atualmente de PFL.

Do Bronx e Ricardo Carcacinha são confirmados no UFC São Paulo

Marcado para acontecer no dia 16 de novembro, no Ginásio do Ibirapuera, o UFC São Paulo ganhou mais dois combates para o seu card, que terá o duelo entre Ronaldo Jacaré e Jan Blachowicz na luta principal. Embalado com uma série de cinco vitórias consecutivas e condecorado como o atleta com maior número de finalizações no Ultimate, Charles do Bronx foi escalado para reforçar o evento e terá pela frente o americano Jared Gordon, que vem de triunfo sobre Dan Moret em sua última apresentação.

Quem também foi adicionado à edição em São Paulo foi Ricardo Carcacinha. Após levar a melhor sobre Journey Newson em seu duelo mais recente, no mês de junho, o brasileiro agora vai encarar o uruguaio Eduardo Garagorri, que está invicto no MMA, com 13 triunfos, e estreou no Ultimate em agosto, derrotando Humberto Bandenay por decisão unânime dos jurados.

Dana White cogita duelo entre Khabib e GSP

Se antes Dana White, presidente do UFC, afastava a possibilidade de casar uma luta entre Khabib Nurmagomedov e Georges St-Pierre, o momento atual parece um pouco diferente. Em conversa com fãs do UFC durante uma transmissão ao vivo em sua conta oficial no Instagram, o mandatário cogitou que a possibilidade de acontecer, futuramente, uma superluta entre o russo e o canadense é real. Apesar disso, Dana ressaltou que o momento é de Tony Ferguson, que deve ser o próximo desafiante de Khabib.

“A luta com o Tony (Ferguson) tem que acontecer primeiro. Tony Ferguson x Khabib e, obviamente, se o Khabib vencer essa luta, o combate contra ‘GSP’ seria uma luta interessante para se fazer, com certeza”, afirmou Dana, revelando que o ex-campeão meio-médio e médio do Ultimate já estaria em processo de perda de peso para lutar na categoria dos leves.

“Não sei se vocês têm visto as fotos do GSP, mas ele está muito, muito magro agora. Ele fez uma dieta ou algo do tipo. Ainda está em uma forma absurda, mas bem magro. Acho que agora ele está uns 4,5 kg mais leve que o Khabib, algo assim. Me disseram, isso é algo bem doido”, concluiu o mandatário.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Sushi tastes even better after a 75h water fast! 😊

Uma publicação compartilhada por Georges St-Pierre (@georgesstpierre) em

Veja também

publicidade

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade