Em audiência pública no Senado, personalidades da arte suave debatem inclusão do Jiu-Jitsu nas escolas

Publicado em 07/11/2019 por: Yago Redua
Em audiência pública no Senado, personalidades da arte suave debatem inclusão do Jiu-Jitsu nas escolas Personalidades do Jiu-Jitsu estiveram em Brasília para debater o Jiu-Jitsu nas escolas (Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado)

publicidade

Na última terça-feira (5), em Brasília, aconteceu uma audiência pública na Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) do Senado para debater sobre o Jiu-Jitsu nas escolas de todo o país. A proposta foi apresentada pelo senador Chico Rodrigues (DEM-RR) e contou com a presença de nomes importantes da história da arte suave.

Os Grandes Mestres João Alberto Barreto e Álvaro Barreto, assim como o Mestre Sylvio Behring e a faixa-preta Kyra Gracie participaram da audiência pública. Cada um teve o direito explicar a importância da modalidade como ferramenta de auxílio nas escolas.

“Nossa arte marcial leva com muito orgulho o nome do Brasil para o mundo e nada melhor do que influenciar de maneira positiva os jovens do nosso país através do ensino educacional do Jiu-Jitsu. Acredito que seja de suma importância esta inclusão para formarmos campeões dentro e fora do tatame”, disse Kyra através do Instagram.

O projeto do senador Chico Rodrigues visa inserir a arte suave nas escolas, como disciplina opcional. No site do Senado, está sendo realizado uma pesquisa sobre o tema. Se a pessoa é ou não a favor do Jiu-Jitsu nas escolas. Até o momento, 3.213 votaram “sim”, enquanto 644 colocaram “não”.


Artes marciais no Rio

No último dia 21, Marcelo Crivella, prefeito do Rio, oficializou o projeto para inserir artes marciais nas escolas municipais. O programa teve início no dia 26 de outubro e será realizado aos sábados, de forma opcional.

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade