Fellipe Andrew finaliza Cornelius e conquista o absoluto no Europeu 2020; Ffion Davies leva ouro duplo

Publicado em 26/01/2020 por: Mateus Machado
Fellipe Andrew finaliza Cornelius e conquista o absoluto no Europeu 2020; Ffion Davies leva ouro duplo Fellipe Andrew finalizou Keenan Cornelius para faturar o título absoluto no Europeu (Foto IBJJF)

publicidade

O último dia do Campeonato Europeu de Jiu-Jitsu da IBJJF, neste domingo (26), em Odivelas, Portugal, como de costume, ficou destinado para os astros da faixa-preta mostrarem técnica e pressão nos tatames montados no ginásio da cidade. Os destaques ao fim do sétimo dia de disputas ficaram para Fellipe Andrew, campeão absoluto após finalizar Keenan Cornelius. No feminino, Ffion Davies deu show e faturou o ouro duplo, sendo campeã na categoria peso-leve e também no peso aberto, vencendo Charlotte Von Baumgarten e Jessica Flowers, respectivamente.

VEJA TAMBÉM: 

O dia também ficou marcado pela definição dos campeões nas classes de peso. Entre os homens, Tomoyuki Hashimoto, Mikey Musumeci, Isaac Doederlein, Jonnatas Gracie, Tommy Langaker, Manuel Ribamar, Keenan Cornelius, Patrick Gaudio e Igor Schneider foram os campeões, enquanto Mayssa Bastos, Anna Rodrigues, Amal Amjahid, Thamara Ferreira, Sabatha Lais, Laura Barker e Jessica Flowers ficaram com o ouro no feminino.

Andrew e Davies brilham no absoluto

Fellipe Andrew x Keenan Cornelius

Os dois lutadores começaram o embate em alto ritmo, trocando posições e agitando o público. Fellipe Andrew, então, colocou seu jogo ofensivo em ação e, com muita agilidade, por baixo, encaixou um triângulo justo em Keenan Cornelius, que não teve outra opção, a não ser dar os três tapinhas. A emoção tomou conta de Andrew, que finalizado por Patrick Gaudio na final do superpesado, deu a volta por cima na finalíssima do absoluto.

Ffion Davies x Jessica Flowers

Mesmo mais leve, Ffion Davies não encontrou dificuldades para colocar Jessica Flowers para baixo e, a partir disso, iniciar uma pressão impressionante. Após abrir 4 a 0 nos pontos, Davies partiu para as costas da adversária e buscou o estrangulamento e, apesar de não ter conseguido a finalização, manteve-se dominante na posição, garantindo o sonhado ouro duplo no Europeu.

Confira todos os campeões do Europeu de Jiu-Jitsu 2020, aqui

Veja como foi cana final por categoria:

MASCULINO

Thalison Soares x Tomoyuki Hashimoto

Thalison Soares e Tomoyuki Hashimoto fizeram uso de muita movimentação por baixo, mas ao mesmo tempo, não conseguiram muitas ações. No fim, diante de tanto equilíbrio, um desfecho inesperado. Thalison acabou saindo com a derrota após ser desqualificado por uma fuga, e o título ficou com Hashimoto.

Mikey Musumeci x Jonas Andrade

O confronto ficou concentrado nas ações de Mikey Musumeci por cima, enquanto Jonas buscava contra-atacar por baixo. Durante os 10 minutos de luta, os atletas não conseguiram pontuar e ficaram no 2 a 2 nas vantagens. Desta forma, a decisão ficou para os árbitros, que decretaram a vitória de Musumeci.

Issac Doederlein x Leonardo Saggioro

Após um início bem disputado, aos poucos, Isaac Doederlein foi construindo sua vantagem e abriu 2 a 0 sobre Leonardo Saggioro. Nos minutos finais, Léo inverteu a posição, ficou por cima e igualou o placar. O esforço final de Saggioro, todavia, não foi o suficiente, e Isaac saiu com o triunfo por duas vantagens.

Jonattas Gracie x Vitor Oliveira

Com um forte ritmo por cima, Jonattas Gracie abriu 2 a 0 ainda no primeiro minuto de luta. A vantagem inicial foi o suficiente para o lutador, a partir de então, cadenciar a luta. Nos segundos finais, Vitor surpreendeu e conseguiu a raspagem, empatando o placar. A decisão, então, ficou com os árbitros, que decidiram pela vitória de Jonnatas.

Tommy Langaker x Pedro Ramalho

O confronto entre Tommy Langaker e Pedro Ramalho iniciou de forma agitada, com os dois conquistando dois pontos cada em poucos minutos. Pedro chegou a abrir mais dois pontos, mas viu Langaker conseguir uma bela transição e, em questão de segundos, encaixar o estrangulamento pelas costas. Uma grande vitória do atleta da Kimura.

Manuel Ribamar x Bruno Lima

Trabalhando bem estando por cima e por baixo, Manuel Ribamar encontrou dificudldades no início, mas abriu dois pontos após os primeiros cinco minutos. Nos minutos finais, Ribamar encontrou uma boa brecha, fez a transição para as costas e aplicou o estrangulamento, forçando os três tapinhas do oponente.

Keenan Cornelius x Adam Wardzinski

Keenan Cornelius e Adam Wardzinski protagonizaram um confronto bem disputado. Os dois lutadores alternaram posições por cima e por baixo, contabilizando pontos ao longo do confronto. Por fim, Keenan se manteve por baixo e segurou o ímpeto de Adam, saindo vencedor por 2 a 0 nas vantagens, após empate em 4 a 4 nos pontos.

Fellipe Andrew x Patrick Gaudio

Patrick Gaudio entrou disposto a terminar a luta de forma rápida. Implacável, a fera da GFTeam não deu chances a Fellipe Andrew e finalizou o adversário com uma chave de joelho espetacular, levantando o público em Odivelas.

Seif Houmine x Igor Schneider

Após surpreender ao derrotar Mahamed Aly nas fases eliminatórias, Seif Houmine criou problemas a Igor Schneider. Bem mais alto e pesado, o gigante francês tentou impor força contra o brasileiro, que mostrou muita técnica, superou as adversidades e abriu 5 a 0 no placar, levando o público ao delírio. Igor ainda terminou o combate por cima, evidenciando sua superioridade, e ficou com o ouro na categoria.

FEMININO

Mayssa Bastos x Serena Gabrielli

Com sua estratégia habitual, Mayssa Bastos começou a luta por baixo, puxando para sua guarda, enquanto Serena Gabrielli buscava as investidas por cima. Com um jogo ofensivo, Mayssa tentava encontrar brechas para pegar as pernas da adversária, mas ambas não conseguiam pontuar. Na reta final, o ritmo aumentou, no entanto, Mayssa Bastos controlou o ímpeto de Serena e nos segundos finais conseguiu a raspagem, vencendo a luta por 2 a 0 e ficando com o título da divisão dos galos.

Talita Alencar x Anna Rodrigues

As duas lutadoras travaram um confronto bem estudado e sem maiores ações por parte de ambas durante grande parte do confronto. No fim, a casca-grossa Ana Rodrigues saiu com o triunfo por 1 a 0 nas vantagens após 0 a 0 nos pontos.

Amal Amjahid x Larissa Campos

Amal Amjahid e Larissa Campos travaram um duelo agitado no início, com ambas marcando dois pontos cada ainda nos primeiros minutos. Controlando o jogo por cima, Amjahid foi se mostrando superior ao longo do combate e, após 2 a 2 nos pontos, saiu com o título depois de vencer por 3 a 1 nas vantagens.

Ffion Davies x Charlotte Von Baumgarten

Bem ativa por cima, Ffion Davies abriu 3 a 0 em menos de dois minutos. Em seguida, a lutadora manteve seu domínio diante de Charlotte Von Baumgarten, chegou a abrir 14 a 0 nos pontos, mas na reta final, conseguiu o estrangulamento pelas costas, confirmando seu favoritismo.

Danielle Alvarez x Thamara Ferreira

Representando a Cícero Costha, Thamara Ferreira deu show na final dos médios. Diante de Danielle Alvarez, a lutadora mostrou ofensividade por baixo e finalizou rapidamente sua adversária após encaixar uma bela chave de perna.

Sabatha Lais x Margarett Grindatti

Também de forma rápida e esbanjando técnica, Sabatha Lais não deu chances a Margarett Grindatti e, em apenas dois minutos, finalizou a oponente com um justo triângulo.

Laura Barker x Magdelana Loska

Trabalhando por cima desde o começo do combate, Laura Barker abriu 2 a 0 ainda nos primeiros minutos. Depois disso, manteve sua posição, controlou as ações de Magdelana Loska por baixo e escapando, inclusive, de uma longa tentativa da adversária em finalizar na chave de braço. No fim, a atleta da Gracie Barra venceu por pontos.

RESULTADOS COMPLETOS:

Masculino / adulto / faixa-preta

Peso-galo: Tomoyuki Hashimoto derrotou Thalison Soares por desqualificação
Peso-pluma: Mikey Musumeci derrotou Jonas Andrade por decisão dos árbitros
Peso-pena: Issac Doederlein derrotou Leonardo Saggioro por 2 a 0 nas vantagens
Peso-leve: Jonnatas Gracie derrotou Vitor Oliveira por decisão dos árbitros
Peso-médio: Tommy Langaker finalizou Pedro Ramalho com um estrangulamento pelas costas
Peso-meio-pesado: Manuel Ribamar finalizou Bruno Lima com um estrangulamento pelas costas
Peso-pesado: Keenan Cornelius derrotou Adam Wardzinski por 2 a 0 nas vantagens
Peso-super-pesado: Patrick Gaudio finalizou Fellipe Andrew com uma chave de joelho
Peso-pesadíssimo: Igor Schneider derrotou Seif Houmine por 5 a 0 nos pontos
Absoluto: Fellipe Andrew finalizou Keenan Cornelius com um triângulo

Feminino / adulto / faixa-preta

Peso-galo: Mayssa Bastos derrotou Serena Gabrielli por 2 a 0
Peso-pluma: Ana Rodrigues derrotou Talita Alencar por 1 a 0 nas vantagens
Peso-pena: Amal Amjahid derrotou Larissa Campos por 3 a 1 nas vantagens
Peso-leve: Ffion Davies finalizou Charlotte Von Baumgarten com um estrangulamento pelas costas
Peso-médio: Thamara Ferreira finalizou Danielle Alvarez com uma chave de joelho
Peso-meio-pesado: Sabatha Lais finalizou Maggie Grindatti com um triângulo
Peso-pesado: Laura Barker derrotou Magdelana Loska por 2 a 0 nos pontos
Peso-super-pesado: Jessica Flowers e Kendall Reusing fecharam (Flowers campeã)
Absoluto: Ffion Davies derrotou Jessica Flowers por 4 a 0 nos pontos

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Instagram
Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade