Gabriel Braga supera Loibe Neto e se credencia para disputar cinturão peso-pena do Future MMA; resultados

Publicado em 18/01/2020 por: Diogo Santarém
Gabriel Braga supera Loibe Neto e se credencia para disputar cinturão peso-pena do Future MMA; resultados Gabriel Braga venceu Loibe Neto por decisão unânime na luta principal (Foto Marcos Santos)

publicidade

Gabriel Braga levou a melhor no duelo de pesos-penas invictos contra Loibe Neto, na luta principal do Future MMA 11, evento realizado na última sexta-feira (17), em São Paulo. Após três rounds marcados por extrema técnica, o filho do veterano Diego Braga teve o braço levantado por decisão unânime, anotando a sua terceira vitória na organização, a quinta como profissional.

As três vitórias de Gabriel Braga no Future MMA não foram apenas dentro do decágono. Para garantir vaga nos cards em que atuou, o carioca de 21 anos precisou derrotar três oponentes no sistema de votação proposto pelo evento, no qual o fã escolhe os lutadores que querem ver em ação. Tal retrospecto garantiu à jovem promessa brasileira a chance de disputar o cinturão peso-pena da organização.

“Ninguém melhor do que o público para palpitar sobre o que ou quem eles querem assistir, eles são os consumidores do produto. E a vitória de Gabriel confirmou que os fãs sabem o que estão fazendo. Então, por ser um dos atletas que mais venceu votação no Future, e claro, pelo que já fez dentro do decágono, ele mostrou que está pronto para lutar pelo cinturão. Talvez em abril ou maio”, declarou o CEO Jorge Oliveira.

Outro destaque do card foi o veterano Thiago Manchinha, que desbancou o iraniano Alireza Noei. Depois de sofrer um knockdown no primeiro round, o brasileiro conseguiu frustrar as tentativas de quedas do wrestler e abriu caminho para dois chutes precisos na cabeça. O segundo, já no último round, balançou Noei. Sem desperdiçar o momento, Manchinha conseguiu pegar as costas e encaixar um justo mata-leão.

“Respeito muito o meu adversário, fizemos uma grande luta, mas não vim aqui para ser mais um, nem para servir de escada para ninguém, vim para ser campeão. Vi na imprensa que ele era o terror iraniano, mas aqui é Brazilian Jiu-Jitsu”, vibrou Manchinha, que aproveitou para desafiar outro atleta do Future MMA: “(Guilherme) Prodígio, cadê você, comédia? Falador passa mal”, completou Thiago.

Pelos meio-pesados, Jailton Malhadinho confirmou o favoritismo sem correr riscos. Em menos de três minutos de luta, ele derrubou Leonardo Black e o castigou com socos até a interrupção do árbitro, anotando sua 11ª vitória em 13 lutas como profissional. Mas o nocaute mais impressionante da noite veio na joelhada voadora de Marcos Vinicius Sorriso, que levou Robson Punk à lona faltando poucos segundos para o fim.

RESULTADOS COMPLETOS:

Future MMA 11
Centro Universitário Ítalo Brasileiro, em São Paulo (SP)

Sexta-feira, 17 de janeiro de 2020

Gabriel Braga venceu Loibe Neto por decisão unânime dos jurados (30×27, 30×27 e 29×28)
Jailton Malhadinho venceu Leonardo Black por nocaute técnico (socos) a 1:58 do 1R
Rodrigo Jones venceu Alexandre Silva por decisão unânime dos jurados (triplo 30×27)
Thiago Manchinha venceu Alireza Noei por finalização (mata-leão) a 1:27 do 3R
Luan Panterinha venceu Fábio Henrique Nascimento por finalização (mata-leão) aos 4:58 do 2R
Leonardo Leleco venceu Flavio Magon por finalização (baseball choke) aos 4:20 do 1R
Marcos Vinicius Sorriso venceu Robson Punk por nocaute (joelhada voadora) aos 4:26 do 3R
Elvis Caiçara venceu Cristiano Billy por decisão unânime dos jurados (triplo 30×27)
Pedro Machado finalizou Maicon Pitbull com uma chave de calcanhar aos 2:16 do 1R

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Instagram
Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade