Geathje revela irritação com Dana e afirma que recebeu oferta para lutar com Do Bronx em Brasília

Publicado em 03/01/2020 por: Yago Redua
Geathje revela irritação com Dana e afirma que recebeu oferta para lutar com Do Bronx em Brasília Justin Gaethje tem três vitórias seguidas e almeja lutar pelo cinturão dos leves (Foto: Reprodução/Instagram)

publicidade

Após duas derrotas seguidas, Justin Geathje se recuperou, engatou uma trinca e colocou como meta disputar o cinturão dos leves do UFC. No entanto, a tarefa não é tão fácil assim. O atual campeão Khabib Nurmagomedov vai defender o título contra Tony Ferguson em abril, no Brooklyn (EUA), e o Ultimate deseja que o russo faça a aguardada revanche com Conor McGregor ainda em 2020.

Neste cenário, Gaethje, terceiro colocado na categoria até 70kg, ficou de lado e resolveu desabafar ao site MMA Tonight sobre essa situação: “Eu tenho tentado entender o que ele tem falado (Dana White, presidente do UFC). Sei que quando ele fez aquela entrevista há pouco tempo, ele disse: “Justin Gaethje sabe o que eu estou falando, ele sabe o que está acontecendo”. Eu, literalmente, não tenho ideia do que ele está falando, é muito louco”, apontou.

Gaethje, que fez sua última aparição no octógono em setembro passado quando nocauteou Donald Cerrone, revelou dois nomes que foram oferecidos pela organização, como do brasileiro Charles do Bronx. O duelo, caso aceito, faria parte do UFC Brasília, em março.

“Tenho quase certeza que foi (quando) eles me ofereceram o Tony Ferguson. Quando Tony Ferguson lutou com Cowboy (Cerrone) em junho e eles estavam procurando um substituto para essa luta no final de maio. Eu disse a eles que não era tempo suficiente, mas se eles adiassem um pouco eu aceitaria essa luta, aí eles rejeitaram. Recentemente, eles me ofereceram Charles do Bronx, no Brasil, ou Dan Hooker na Nova Zelândia, enquanto o campeão não lutava”, concluiu.

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade