Jorge Masvidal diz que ‘ressuscitaria’ St-Pierre para depois aposentá-lo mais uma vez: ‘Adoraria enfrentar GSP’

Publicado em 09/01/2020 por: Mateus Machado
Jorge Masvidal diz que ‘ressuscitaria’ St-Pierre para depois aposentá-lo mais uma vez: ‘Adoraria enfrentar GSP’ Jorge Masvidal é o atual dono do cinturão ‘BMF’ (mais casca-grossa) (Foto: Reprodução/Instagram)

publicidade

Ao mesmo tempo em que visualiza uma disputa de cinturão contra o campeão meio-médio Kamaru Usman ou até mesmo um possível combate diante de Conor McGregor, Jorge Masvidal analisa outras possibilidades para a sua carreira. Embalado por três vitórias consecutivas – todas elas por nocaute -, o “Gamebred” foi questionado a respeito de uma luta contra Georges St-Pierre, ex-campeão meio-médio e médio do Ultimate.

Com 38 anos e sem lutar desde novembro de 2017, quando derrotou Michael Bisping e, na ocasião, se tornou campeão dos médios, GSP está, no momento, aposentado, no entanto, afirmou que pensaria em um retorno caso uma superluta pudesse acrescentar algo para o seu legado ao esporte. Diante disso, em entrevista ao programa “Submission Radio”, Masvidal mostrou-se disposto a encarar o canadense, fazendo elogios ao veterano.

“Bem, eles falam isso sobre mim, que eu ressuscito lutadores e depois eu os aposento novamente. Então, eu não me importaria se GSP se juntasse a essa campanha. Honestamente, como um competidor, eu quero quebrar a p*** da cara dele. Quero ir lá e dar a ele tudo que eu tenho. Mas eu respeito o que ele fez. O cara é um craque. Ele é uma p*** de um animal, irmão. Eu colocaria tudo que eu tenho dentro de mim, dentro da minha alma, para acabar com esse indivíduo, porque ele é muito bom”, disse Jorge, que seguiu falando sobre uma possível oportunidade de enfrentar St-Pierre.

“Ele é o tipo de lutador que exige muito, essa m*** ia exigir um bom camp de treinamento, isolamento do mundo e apenas me concentrar na tarefa, dia após dia, porque ele é um ótimo competidor, e eu não vou ficar em segundo plano para ninguém nessa divisão. Então, eu adoraria (enfrentar Georges St-Pierre)”, concluiu.

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Instagram
Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade