Liberado para lutar a partir de abril, Fabrício Werdum desafia Oleinik e provoca: ‘Acho que meu Jiu-Jitsu é melhor’

Publicado em 20/01/2020 por: Yago Redua
Liberado para lutar a partir de abril, Fabrício Werdum desafia Oleinik e provoca: ‘Acho que meu Jiu-Jitsu é melhor’ Werdum, ex-campeão dos pesados, estará livre da suspensão por doping a partir de abril (Foto reprodução Instagram)

publicidade

Após ter sua suspensão por doping reduzida pela USADA (Agência de Antidoping dos EUA), o peso-pesado Fabrício Werdum tem retorno ao Ultimate estimado para abril deste ano e já escolheu um adversário: Alexey Oleinik. O russo conquistou uma importante vitória no último sábado (18), pelo UFC 246, sobre Maurice Greene, em sua 46ª finalização no MMA.

Dono de um Jiu-Jitsu de primeira linha, Werdum aproveitou a finalização do russo – também especialista na luta de chão – para provocar e fazer um desafio: “Parabéns, Alexey Oleinik. Todo respeito por você, mas eu acho que o meu Jiu-Jitsu é melhor. Vamos ‘dançar’, você pode ser o convidado especial no meu retorno ao UFC”, postou o ex-campeão dos pesados no Twitter.

Werdum não luta desde março de 2018, quando perdeu para Alexander Volkov. Em setembro do mesmo ano, o brasileiro iria enfrentar Oleinik, mas o confronto foi cancelado pelo fato do “Vai Cavalo” ter recebido uma notificação da USADA pelo uso do esteroide trembolona. Na época, a suspensão aplicada foi de dois anos – que veio a ser reduzida nos últimos meses, culminando no seu encerramento em abril deste ano.

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade