Treinador revela que Patricky Pitbull lutou final de GP do Rizin com mão quebrada e sofreu outras lesões; saiba mais

Publicado em 01/01/2020 por: Mateus Machado
Treinador revela que Patricky Pitbull lutou final de GP do Rizin com mão quebrada e sofreu outras lesões; saiba mais Patricky Pitbull sofreu lesões durante sua participação no GP dos Leves do Rizin (Foto: Rizin FF/Divulgação)

publicidade

Em ação na última terça-feira (31), no GP dos Leves do Rizin Fighting Federation, Patricky Pitbull fez duas lutas na mesma noite e, na última delas, a final do torneio contra Tofiq Musaev, o brasileiro lutou os três rounds com a mão quebrada. A informação foi divulgada por Eric Albarracin, treinador de Wrestling do potiguar, através de vídeos publicados na ferramenta “stories” do Instagram.

Segundo o treinador, Patricky teria sofrido uma fratura na mão direita durante seu duelo contra Luiz Killer, que ocorreu na semifinal do GP. Mesmo assim, Pitbull subiu ao ringue momentos depois para enfrentar Musaev na grande final. O esforço, no entanto, não se converteu em vitória ao seu favor, e o brasileiro acabou sendo derrotado por decisão unânime após três assaltos.

* Patricky tem início ‘arrasador’, mas é derrotado em final de GP dos Leves; campeões são definidos

“As pessoas não sabem, mas Patricky quebrou sua mão na primeira luta nas semifinais e foi para a segunda luta (final contra Musaev) com a mão quebrada. Nós não tiramos a bandagem (entre uma luta e outra) para não inchar, então mantivemos as bandagens, e ele lutou com uma mão quebrada e colocou tudo em jogo. Ele deu tudo de si lá”, revelou Albarracin, que ainda afirmou que Patricky teria sofrido uma contusão em um músculo da perna.

Empresário do brasileiro, Matheus Aquino, através de sua conta no Twitter, confirmou que, além das duas lesões citadas por Eric Albarracin, Patricky Pitbull teria sofrido ainda uma lesão no ombro ao ser derrubado e cair do lado de fora do ringue no combate diante de Musaev.

“Patricky machucou sua mão direita na primeira luta, provavelmente quebrada. E lesionou seu ombro esquerdo depois de cair do ringue na segunda luta. Além disso, um músculo de sua perna direita se separou do osso na segunda luta (…) Patricky sentiu um estalo durante o segundo round (da luta contra Musaev) enquanto estava se movimentando, que é quando ele acredita que o músculo se separou do osso. Os exames médicos foram conduzidos na arena. Foi dado a Patricky medicação e foi dito para ele descansar. Quando chegar no Brasil, ele vai procurar mais tratamento”, relatou o empresário.

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Instagram
Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade