Jan Blachowicz lança desafio a Jon Jones logo após nocaute sobre Corey Anderson e campeão responde: ‘Estou pronto’

Publicado em 16/02/2020 por: Mateus Machado
Jan Blachowicz lança desafio a Jon Jones logo após nocaute sobre Corey Anderson e campeão responde: ‘Estou pronto’ Na arquibancada, Jon Jones reagiu com bom humor ao desafio de Jan Blachowicz (Foto: Reprodução/Twitter)

publicidade

A noite do último sábado (15) foi perfeita para Jan Blachowicz. Fazendo a luta principal do UFC Rio Rancho, o polonês nocauteou Corey Anderson ainda no primeiro round, emplacou sua terceira vitória consecutiva e se estabeleceu de vez como um potencial desafiante ao título da categoria meio-pesado. Para melhorar, o lutador viu o atual campeão, Jon Jones, assistindo ao combate na primeira fila da arena.

* Blachowicz nocauteia Anderson e entra na rota pelo título; card tem desclassificação de brasileiro

Sem perder tempo, logo após nocautear Anderson, Blachowicz partiu em direção a “Bones” e então passou a gritar contra o campeão, desafiando Jones para uma futura disputa de cinturão. O detentor do título, bem humorado, ficou empolgado e mostrou-se receptivo à possibilidade de defender seu cinturão dos 93kg contra Jan.

“Você me promete?”, gritou Blachowicz, em vídeo gravado pelo Ultimate justamente no momento em que os dois lutadores trocavam palavras. Logo depois, nos bastidores do UFC Rio Rancho, Jon Jones fez elogios ao polonês e reforçou a chance de enfrentá-lo em um futuro próximo.

“Jan é um oponente digno. Ele tem um grande poder de nocaute, é muito técnico. Seus fundamentos são muito afiados, e sim, acho que ele será um ótimo oponente. Eu posso ver totalmente o UFC marcando essa luta. Que melhor maneira de reivindicar ao título do que um nocaute como esse? Tenho a sensação de que o UFC vai me ligar muito em breve”, disse o campeão.

Mas e quanto a Dominick Reyes? A polêmica luta do desafiante diante de Jones, no UFC 247, abriu brecha para que uma revanche imediata seja concedida ao lutador. No entanto, “Bones” não entrou em polêmica e ressaltou que, seja Blachowicz ou Reyes, não pretende escolher oponentes.

“Quem quer que eu lute, estou animado. Estou pronto. Estou totalmente curado da minha última luta, como se pode ver. Sem olhos roxos. Rosto, corpo, mente e coração estão prontos, então vamos fazer isso”, encerrou.

RESULTADOS COMPLETOS: 

UFC Fight Night 167
Sábado, 15 de fevereiro de 2020
Rio Rancho, no Novo México (EUA)

Card principal
Jan Blachowicz derrotou Corey Anderson por nocaute no 1R
Diego Sanchez derrotou Michel Pereira por desclassificação no 3R
Montana de la Rosa derrotou Mara Romero Borella por decisão unânime dos jurados
Brok Weaver derrotou Rodrigo Vargas por desclassificação no 1R
Ray Borg derrotou Rogério Bontorin por decisão unânime dos jurados
Lando Vannata derrotou Yancy Medeiros por decisão unânime dos jurados

Card preliminar
Daniel Rodriguez finalizou Tim Means com uma guilhotina no 2R
John Dodson derrotou Nathaniel Wood por nocaute técnico no 3R
Scott Holtzman derrotou Jim Miller por decisão unânime dos jurados
Devin Clark derrotou Dequan Townsend por decisão unânime dos jurados
Merab Dvalishvili derrotou Casey Kenney por decisão unânime dos jurados
Macy Chiasson derrotou Shanna Young por decisão unânime dos jurados
Raulian Paiva derrotou Mark De La Rosa por nocaute técnico no 2R

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade