UFC confirma o cancelamento dos próximos três eventos; companhia tenta preservar Khabib x Ferguson

Publicado em 16/03/2020 por: Mateus Machado
UFC confirma o cancelamento dos próximos três eventos; companhia tenta preservar Khabib x Ferguson Dana White voltou a falar sobre detalhes do UFC 249, marcado para 18 de abril (Foto reprodução)

publicidade

Demorou, mas enfim, o Ultimate anunciou medidas mais contundentes como forma de combate à propagação do novo coronavírus, considerado como pandemia pela OMS (Organização Mundial de Saúde). Após realizar, no último sábado (14), uma edição em Brasília com portões fechados, a organização confirmou que seus próximos três eventos (no sábado, 21, no dia 28 de março e no dia 11 de abril) estão “adiados por tempo indeterminado”. A informação foi divulgada inicialmente por um funcionário da franquia, Michael Carroll, nesta segunda-feira (16).

Presidente do UFC, Dana White recebeu a notícia de que não poderia mais realizar a edição do próximo sábado (21), em Londres, pelo fato do Reino Unido ter adotado o veto para a realização de eventos com grande aglomeração de pessoas. Além disso, o Reino Unido também foi incluído na lista de países que estão proibidos de viajar para os Estados Unidos após decisão anunciada pelo presidente Donald Trump.

O mandatário, então, vinha tentando trazer o evento para os Estados Unidos, em vão. Inicialmente, ficou determinado que três as edições seriam realizadas no UFC Apex, em Las Vegas, no entanto, os planos da companhia foram frustrados após a Comissão Atlética de Nevada (NAC), por orientação do Governo do Estado, informar que suspendeu todas as licenças para eventos de artes marciais em Las Vegas desde o último domingo (15), com duração, a princípio, até o próximo dia 25, como uma medida emergencial.

“Eu estou no mundo das lutas por 20 anos, e é isso que fazemos – encontramos uma maneira de manter nossos eventos, não importa o que aconteça. Mas, isso é diferente. O mundo inteiro está sendo afetado agora, e nada é mais importante do que a saúde e a segurança de vocês e suas respectivas famílias”, disse Dana, através de um e-mail enviado aos funcionários do UFC, reproduzido pela ESPN americana.

Além de adiar os eventos, o UFC fechou seus escritórios executivos em Las Vegas e também em São Paulo. Com o adiamento dos próximos cards, em Londres, na Inglaterra, e Ohio e Oregon, nos Estados Unidos, consequentemente foram canceladas as lutas dos brasileiros Geraldo de Freitas, Raoni Barcelos, Davi Ramos, Markos Maluko, Vicente Luque, Rodrigo Zé Colmeia, Alex Leko e Karol Rosa.

Apesar do momento de tensão, a companhia espera que seja possível realizar o UFC 249, marcado para o dia 18 de abril, que terá em sua luta principal a aguardada disputa de cinturão na categoria peso-leve entre o campeão Khabib Nurmagomedov e o desafiante Tony Ferguson. O plano, porém, ainda pode ser alterado.

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Instagram
Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade