Ainda assustado após ladrão invadir sua casa, Anthony Smith revela ‘caos’ durante briga: ‘Eu tentei quebrar o crânio dele’

Publicado em 08/04/2020 por: Yago Redua
Ainda assustado após ladrão invadir sua casa, Anthony Smith revela ‘caos’ durante briga: ‘Eu tentei quebrar o crânio dele’ Antohny Smith lutou contra um homem que invadiu a sua casa na madrugada do último domingo (Foto reprodução Instagram)

publicidade

O último fim de semana ficará marcando para sempre na cabeça de Anthony Smith, atleta meio-pesado do UFC. O lutador foi surpreendido e precisou encarar um ladrão, que invadiu sua casa durante a madrugada de domingo (5). Em um relato ao site MMA Fighting, o americano disse que quem escutou o barulho do homem, identificado pela polícia de Nebraska (EUA) como Luke Haberman, foi a sua esposa, que logo o acordou.

Smith contou que o homem gritava e o ambiente era aterrorizante: “Você apenas precisa descobrir o que é. Eu tinha que chegar lá. Então, eu virei o corredor e havia um homem estranho parado na sala de computadores bem próximo de mim. Ele estava meio que flexionando para mim e veio caminhando na minha direção. Eu decidi atropelá-lo. Foi aí que o caos começou”, relembrou Smith.

Apesar de tudo acontecer tão rápido, “Lionheart” disse que seu único objetivo era castigar o ladrão o máximo. O atleta do UFC afirmou que tinha convicção de que a qualquer momento poderia ser baleado ou esfaqueado. Deste modo, seu plano era proteger a esposa e as três filhas que também estavam na casa.

“Escute, quando eu o envolvi, tive certeza de que ele tinha uma arma ou uma faca. Ninguém entra em sua casa, às 4h da manhã, sem armas, certo? Porque eu tinha certeza de que haveria um tiro que seria disparado em breve, e eu precisava causar o máximo de dano possível para garantir que, quando a morte que eu pensava estivesse chegando, parece estúpido agora, mas na hora o pensamento era esse… Eu precisava causar o máximo de dano possível para garantir que minha família pudesse fugir”, contou.

Logo após a invasão e prisão do invasor, Smith passou a dar diversas entrevistas. O lutador, que registra 47 lutas como profissional de MMA, afirmou que esse foi, sem dúvida, o embate mais difícil de sua vida. Anthony se impressionou com a capacidade que o ladrão teve para absorver golpes fortes na cabeça.

“Fiquei chocado em como ele foi capaz de absorver de golpes. Honestamente, eu nem ligo. Vou falar a verdade. Eu estava tentando quebrar o crânio dele. Cotovelos, socos e joelhadas como se eu fosse (Quinton) Rampage Jackson. Foi tudo o que eu tinha. Eu dei a ele tudo o que tinha até perceber que ele não tinha uma arma. Foi, então, que eu recuei um pouco. Mas nos primeiros minutos, em que pensei que ele estivesse armado, ele obteve 110% de tudo o que Anthony Smith tem, e estava consciente no final. Ele lutou o tempo todo, nunca parou”, concluiu o atleta, revelando que apesar de assustadas, esposa e filhas estão bem.

Vale lembrar que Smith tem duelo programado contra o brasileiro Glover Teixeir, inicialmente marcado para o dia 25 de abril. No entanto, por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), ainda não existe uma confirmação oficial do UFC se o card será disputado e se evento vai ser mantido em Nebraska (EUA).

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade