Amanda Ribas volta a falar em luta contra VanZant e já projeta duelo com a campeã Zhang: ‘Anoto pontos fortes e fracos’

Publicado em 18/05/2020 por: Mateus Machado
Amanda Ribas volta a falar em luta contra VanZant e já projeta duelo com a campeã Zhang: ‘Anoto pontos fortes e fracos’ Invicta no UFC, Amanda Ribas voltou a falar sobre planos de enfrentar Paige VanZant (Foto reprodução Instagram)

publicidade

* Aos 26 anos e dona de um cartel com nove vitórias e apenas uma derrota no MMA profissional, Amanda Ribas vem construindo uma trajetória de sucesso no UFC e está invicta na organização, com três triunfos contabilizados desde a sua estreia, em junho do ano passado.

Com resultados positivos em sequência diante de Emily Whitmire, Mackenzie Dern e Randa Markos, a mineira já está no Top 15 da categoria peso palha feminino e pensa em voos maiores na franquia, como, por exemplo, um duelo diante da atual campeã da divisão, Weili Zhang. Em entrevista à TATAME, Amanda revelou que já estuda os pontos fortes e fracos da chinesa visando um futuro combate entre elas.

“Eu acho que dá, sim, para enfrentá-la (Weili Zhang), porque todas as lutas que eu assisto, anoto pontos fortes e fracos, já com uma estratégia do que eu posso fazer caso vá enfrentar a adversária. Vai que… Acho que dá (para enfrentar). Mas lógico que tenho muito a melhorar”, projetou a lutadora, atual 15º no ranking.

Confira o restante da entrevista com Amanda Ribas:

– Exercícios durante a pandemia do coronavírus

O bom é que, aqui em casa, meu pai é meu professor de Muay Thai, minha irmã treina também e a ainda tem um tatame (risos). Eu faço alguns drills de Jiu-Jitsu, às vezes aula de dança que a minha mãe passa.

– Possibilidade de enfrentar outras brasileiras

Já parei para pensar nisso. Eu não vejo problema em enfrentar brasileiras, porque ali nós somos atletas. Todas nós estamos em busca de um título. Não vejo problema nenhum, porque é a nossa profissão. Se eu pudesse escolher, lutaria com gente de outros países, mas se aparecer brasileira, não tem problema (risos).

– Paige VanZant como principal alvo no momento

Já tínhamos assinado para lutar antes (no UFC Brasília). Acho vai ser uma luta muito vantajosa para o UFC, pra mim e para ela. É uma luta que chama o público, com certeza. Ela é uma atleta que não para, será bem interessante, porque eu gosto de lutar com gente assim, que vai em busca do resultado positivo.

* Por Yago Rédua 

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade