Glover ‘amassa’ Anthony Smith na luta principal do UFC Jacksonville; Thiago Moisés finaliza Michael Johnson

Publicado em 14/05/2020 por: Diogo Santarém
Glover ‘amassa’ Anthony Smith na luta principal do UFC Jacksonville; Thiago Moisés finaliza Michael Johnson Glover Teixeira dominou Smith e chegou ao seu quarto triunfo consecutivo no UFC (Foto reprodução)

publicidade

Em seu segundo evento em meio à pandemia do novo coronavírus, o UFC Fight Night 171, realizado nesta quarta-feira (13), em Jacksonville, na Flórida (EUA), contou com shows de dois brasileiros. Na luta principal, após um susto inicial, Glover Teixeira dominou as ações até vencer Anthony Smith por nocaute técnico no quinto round. Já Thiago Moisés colocou seu afiado jogo de chão em prática para finalizar o experiente Michael Johnson com uma chave de calcanhar. Outro brasileiro presente na edição, o peso-pesado Philipe Lins acabou superado por Andrei Arlovski em sua estreia no Ultimate.

Ainda pelo card principal do UFC Jacksonville, Ben Rothwell e Ricky Simón derrotaram Ovince St-Preux e Ray Borg, respectivamente, por decisão dividida, enquanto Drew Dober anotou um belo nocaute técnico sobre Alexander Hernandez, no segundo round, e chegou à marca de três nocautes seguidos no peso leve.

Glover nocauteia Smith e fecha a ‘quadra’

Depois de um primeiro round onde o americano Anthony Smith foi superior, a luta principal virou um verdadeiro monólogo por parte de Glover Teixeira. Aos 40 anos, o brasileiro balançou Smith na trocação e, a partir daí, passou quatro assaltos “amassando” Smith e tentando finalizar. O americano, porém, fez valer seu apelido de “Coração de Leão”, e mostrando incrível resistência, apanhou bastante, mas não cedeu fácil.

No último round, novamente por cima, Glover passou a guarda e aumentou o ritmo no ground and pound, forçando a interrupção do árbitro central. Agora, o mineiro de Sobrália tem quatro triunfos seguidos na divisão e se reaproxima de uma disputa de cinturão, segundo o próprio brasileiro, seu grande objetivo. De quebra, Glover bateu o recorde de mais vitórias por nocaute ou finalização no meio-pesado, com 11.

Philipe Lins é surpreendido em estreia

Ex-campeão peso-pesado da PFL, o brasileiro Philipe Lins fez sua estreia no Ultimate diante do veterano Andrei Arlovski, e até começou bem, dominando as ações no round inicial. No segundo assalto, porém, Arlovski foi crescendo de produção, curiosamente após ser atingido por um forte chute baixo.

 

Ver essa foto no Instagram

 

O @AndreiArlovski venceu o brasileiro Phillipe Lins por decisão dos juízes #UFCJax

Uma publicação compartilhada por UFC (@ufc_brasil) em

Com o confronto teoricamente empatado, Lins e Arlovski foram para o terceiro e último round precisando causar boa impressão, e segundo os jurados, quem chamou mais atenção foi o bielorusso, declarado vencedor por decisão unânime dos jurados. Com o resultado, Andrei Arlovski – ex-campeão peso-pesado do UFC – volta a vencer após acumular quatro derrotas nas suas últimas cinco lutas. O brasileiro Philipe Lins, por sua vez, conheceu o seu primeiro revés desde 2017, quando ainda atuava pelo Bellator.

Thiago Moisés vira e finaliza Johnson

Em busca de recuperação após ser derrotado pelo russo Damir Ismagulov, em agosto do ano passado, o brasileiro Thiago Moisés começou seu duelo contra Michael Johnson acuado, com o americano sendo superior no primeiro assalto na trocação, enquanto Moisés não conseguia encaixar suas quedas.

No segundo round, porém, o peso-leve da ATT voltou diferente. Justificando sua faixa-preta de Jiu-Jitsu, Thiago atacou as pernas de Johnson e, em poucos segundos, encaixou uma justa chave de calcanhar.

Após a vitória, em entrevista ainda no octógono, Thiago aproveitou para desafiar o ex-campeão Anthony Pettis: “Desde a primeira vez que eu pisei no octógono só tive oponentes difíceis: o Beneil Dariush, voei para longe para enfrentar russos, e agora enfrentei o antigo número 6 do ranking. Ouvi dizer que o Anthony Pettis quer voltar ao peso leve, e gostaria de muito recebê-lo”, convocou o lutador paulista.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Apertou legal! Assim foi a finalização no segundo round do #UFCJax que deu a vitória para o @ThiagoMoisesMMA 🇧🇷

Uma publicação compartilhada por UFC (@ufc_brasil) em

Nocautes e boas lutas no card preliminar

O evento em Jacksonville começou em alto ritmo e, logo na primeira luta da noite, pela divisão dos pesados, Chase Sherman deu a tônica com um nocaute técnico sobre Ike Villanueva no segundo round. Na sequência, também no segundo assalto, foi a vez do peso-pena Brian Kelleher colocar Hunter Azure para dormir com um potente cruzado, chegando ao seu segundo triunfo consecutivo e embalando no UFC.

Ainda pelo card preliminar, o venezuelano Omar Morales derrotou o mexicano Gabriel Benitez por decisão unânime dos jurados após combate bastante animado no peso leve, enquanto no único duelo feminino da edição, Sijara Eubanks, também por unanimidade, venceu Sarah Moras após dominar os três rounds da luta.

RESULTADOS COMPLETOS: 

UFC Fight Night 171
Jacksonville, na Flórida (EUA)
Quarta-feira, 13 de maio de 2020

Card principal
Glover Teixeira derrotou Anthony Smith por nocaute técnico no 5R
Ben Rothwell derrotou Ovince St-Preux por decisão dividida dos jurados
Drew Dober derrotou Alexander Hernandez por nocaute técnico no 2R
Ricky Simón derrotou Ray Borg por decisão dividida dos jurados
Andrei Arlovski derrotou Philipe Lins por decisão unânime dos jurados
Thiago Moisés finalizou Michael Johnson com uma chave de calcanhar no 2R

Card preliminar
Sijara Eubanks derrotou Sarah Moras por decisão unânime dos jurados
Omar Morales derrotou Gabriel Benitez por decisão unânime dos jurados
Brian Kelleher derrotou Hunter Azure por nocaute no 2R
Chase Sherman derrotou Ike Villanueva por nocaute técnico no 2R

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Instagram
Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade