Com 35 anos e um cartel de 17 vitórias e cinco derrotas no MMA profissional, Paul Felder, em sua última luta no UFC, quando foi derrotado por Dan Hooker na decisão dividida, chegou a anunciar, ainda no octógono, que estava se aposentando. A atitude, tomada após fazer cinco rounds de uma batalha intensa e sangrenta, chegou a pegar alguns fãs do lutador de surpresa, no entanto, no último domingo (14), Paul revelou um dos motivos que podem ter contribuído para sua decisão.

Através de suas redes sociais, Felder compartilhou uma série de fotos com ferimentos, lesões e sangramentos que sofreu ao longo da sua carreira de 22 lutas profissionais, em trajetória que teve início no ano de 2011. A terceira imagem da galeria compartilhada pelo lutador, inclusive, traz um “pedaço do seu pulmão” que precisou ser removido, conforme revelou o próprio norte-americano.

Na legenda da publicação, Paul Felder aproveitou para falar sobre sua aposentadoria e a possibilidade de voltar a lutar: “Me perguntam muito quando estarei de volta ou se estou oficialmente aposentado. Sinto falta do octógono e da competição, mas essas imagens são de como chego em casa tendo uma princesa de cinco anos. É um trabalho difícil. É por isso que adoro comentar. Eu falo sobre os atletas mais duros do planeta”.

Confira a galeria abaixo (IMAGENS FORTES):