Coluna da Arte Suave: os conceitos e a importância da Defesa Pessoal com dicas do GM Fernando Pinduka; leia

Publicado em 17/06/2020 por: Mateus Machado
Coluna da Arte Suave: os conceitos e a importância da Defesa Pessoal com dicas do GM Fernando Pinduka; leia Em seu novo artigo, o professor Luiz Dias cita os ensinamentos do GM Pinduka em relação à Defesa Pessoal (Foto reprodução)

publicidade

* Quando vamos treinar Jiu-Jitsu, a Defesa Pessoal é ensinada e eu prefiro crer que todos professores ensinem, independentemente do aluno ter consciência ou não de sua importância. Existem academias focadas exclusivamente em resultados de campeonatos, mas o Jiu-Jitsu de competição não abrange situações em que a Defesa Pessoal ou autodefesa te deixam plenamente preparados para defender a sua integridade física, a nível mental também, condicionando suas reações para as mais diversas situações que a vida pode oferecer. 

Conversando com o GM Fernando “Pinduka” Guimarães, só reafirmo cada vez mais a importância de sabermos a Defesa Pessoal, e como professor, saber passar isso para os  alunos. Transcrevo os conceitos do GM Pinduka, definindo a Defesa Pessoal como: “É um conjunto de movimentos baseados em um sistema de ataque e defesa, que têm como fim neutralizar um ataque pessoal”. Dentro dos seus conceitos da Defesa Pessoal, vemos a gama de técnicas que, quando o professor não passa para o seu aluno, como esse aluno fica com brechas em seu nível técnico para uma situação na vida, fora das áreas de competição. 

Dentro das técnicas, o GM Pinduka cita: “Utilizam-se principalmente bloqueios, retenções, golpes e alavancas para dominar o adversário o mais rapidamente possível, encurtando o conflito com o objetivo de evitar riscos e deixar em segundo plano quaisquer diferenças físicas”. Assim, quanto mais você praticar, mais preparado estará. “Quanto maior for seu autocontrole e versatilidade, melhores serão suas chances.” 

Destrinchando um pouco mais, o GM estabeleceu fundamentos básicos para uma técnica de reação ser efetiva, que são os seguintes: 1 – Autocontrole – para adquirir confiança, controle da dor e rapidez mental; 2 – Controle do agressor – onde se estudam as melhores técnicas a serem utilizadas em cada situação; 3 – Controle da situação – onde se estuda o melhor momento para reação. 

E sempre é bom ouvir pontos que acredito, como a questão da prática e repetição. Como Pinduka diz: “Princípio da repetição: é necessário repetir tantas vezes quantas forem necessárias para incorporar a técnica”. Espero que esse artigo, com os conceitos do GM Pinduka, reforcem o que sempre acreditei, como outros professores também, que é a importância da Defesa Pessoal ou autodefesa. Para finalizar, fecho com outra frase do GM. “Todo indivíduo tem direito à vida, à liberdade e à segurança pessoal”. Bons treinos.

Para mais informações, veja https://www.instagram.com/luizdiasbjj/ ou entre em contato pelo e-mail geracao.artesuave@yahoo.com.br. Também conheça o http://www.geracaoartesuave.com.br/. Oss!

* Por Luiz Dias

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade