Retorno à AJP Tour, Gabi Garcia e mudança para o MMA em 2021: Tayane abre o jogo sobre os próximos passos da carreira

Publicado em 08/06/2020 por: Yago Redua
Retorno à AJP Tour, Gabi Garcia e mudança para o MMA em 2021: Tayane abre o jogo sobre os próximos passos da carreira Tayane abriu o jogo sobre os seus próximos passos no Jiu-Jitsu e foco no MMA (Foto: Reprodução/Instagram)

publicidade

*Um dos grandes nomes do Jiu-Jitsu, Tayane Porfírio tem novos objetivos para a sua carreira. A lutadora revelou à TATAME que já tem quase tudo certo para estrear no MMA. A faixa-preta contou que, se não fosse a pandemia do novo coronavírus, a primeira luta na modalidade seria neste segundo semestre.

“Se não tivesse acontecido a pandemia, seria agora em agosto (a estreia no MMA). Vou dizer que eu vou adiar para 2021. Acho que se eu for para o MMA, eu nem volto a competir Jiu-Jitsu. Se der certo, acho que só vou fazer luta casada no Jiu-Jitsu mesmo”, contou Tayane, que atualmente mora na Inglaterra.

Apesar de cumprir uma suspensão de quatro anos imposta pela USADA (Agência de Antidoping dos EUA), a atleta pode lutar, por exemplo, os eventos da AJP Tour (antiga UAEJJF). Deste modo, a lutadora afirmou que, além do MMA, quer retornar à federação árabe e lutar o Grand Slam do Rio de Janeiro em dezembro.

“O meu foco mesmo está sendo o MMA. Quero muito aprender e evoluir. Não é para mostrar para os outros, mas sim uma coisa pessoal. Eu estava baixando o peso para World Pro, só que foi adiado. Eu devo lutar o Grand Slam do Rio, se eu conseguir baixar o peso. Acho que vai dá para eu bater, não 100% saudável, mas acredito que consiga. Eu quero muito lutar MMA, mas não sei se vou conseguir”, projetou Tayane.

Superluta com Gabi Garcia

Quando se pensa em Tayane, imediatamente os fãs associam uma superluta com Gabi Garcia. E vice-versa. A faixa-preta da Roger Gracie Academy, que completa 26 anos no fim deste ano, disse que todas as propostas que recebe são para lutar com a multicampeã da Alliance.

“Todas as propostas que eu recebo são contra a Gabi (Garcia). Nunca teve ninguém que chegou e falou, vamos lutar com fulana. É sempre com a Gabi. Tenho que esperar, não é uma decisão só minha, mas o jeito é esperar. Chegar no dia e na hora certa, o que for para ser, vai ser”, disse Tayane, que revelou, inclusive, uma oferta que recebeu para lutar contra Gabi no BJJ Stars.

“O Fepa (Lopes) me mandou o convite também e acham que é a única luta que eu tenho que fazer na vida (risos). Todo mundo acha que só devo lutar com uma pessoa. Não sei como vai ser, mas acho que tem outras meninas que podem me desafiar também. Não preciso desafiar ninguém. As pessoas me mandam mensagem e perguntam o motivo de eu não desafiar fulana, mas é o meu jeito. Sou muito quietinha. Eu não gosto de causar na internet. Não gosto de ficar falando, aquilo que eu não sei se vou conseguir fazer. Sou muito na minha, acho que quem muito fala, nada faz. Prefiro chegar lá e lutar. Não vou ficar desafiando ninguém. Acho a coisa mais ridícula do mundo, a pessoa que entra no Facebook ou Instagram e fica falando que fulano é isso ou aquilo, que é melhor. Não tem nenhuma atleta melhor do que ninguém. Vamos ver se o Fepa me chama para lutar o próximo. Se aparecer alguma menina que queira lutar, eu vou”, concluiu.

Confira a entrevista na íntegra abaixo:

*Por Yago Rédua

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Instagram
Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade