Atleta ganês faz ‘Luta da Noite’ no UFC on ESPN 13, mas deixa de faturar bônus de R$ 265 mil após falhar na pesagem

Publicado em 16/07/2020 por: Mateus Machado
Atleta ganês faz ‘Luta da Noite’ no UFC on ESPN 13, mas deixa de faturar bônus de R$ 265 mil após falhar na pesagem Abdul Razak Alhassan não levou o bônus por não ter batido o peso no dia anterior à luta (Foto reprodução YouTube UFC)

publicidade

Realizado na última quarta-feira (15), em Abu Dhabi, o UFC on ESPN 13 teve um detalhe importante nas já tradicionais premiações concedidas aos lutadores que se destacam a cada edição. Em ação no card principal do evento, Abdul Razak Alhassan fez a “Luta da Noite” contra Mounir Lazzez após três rounds de combate, no entanto, acabou não recebendo o bônus de 50 mil dólares (cerca de R$ 268,5 mil) da organização.

Derrotado na decisão unânime dos jurados, Alhassan não recebeu a quantia em dinheiro porque, no dia anterior à luta, não bateu o peso estipulado para a categoria dos meio-médios, ficando mais de 1kg acima do permitido pelo Ultimate. Dessa forma, a organização optou por não premiar o ganês, em uma espécie de “punição”, mesmo ele tendo feito a “Luta da Noite”. Vitorioso no confronto, Lazzez faturou os 50 mil dólares.

Para “preencher” a lista de premiados, o UFC elegeu três atletas para o bônus de “Performance da Noite”, e não dois, como geralmente ocorre quando há uma “Luta da Noite” no card. Sendo assim, os escolhidos foram Lerone Murphy, que nocauteou o brasileiro Ricardo Carcacinha ainda no primeiro round, o sueco Khamzat Chimaev, que finalizou John Phillips no segundo assalto, e Modestas Bukauskas, que nocauteou Andreas Michailidis no round inicial. Os vencedores, assim como Lazzez, receberam o bônus de US$ 50 mil.

RESULTADOS COMPLETOS:

UFC on ESPN 13
Ilha de Yas, em Abu Dhabi (EAU)
Quarta-feira, 15 de julho de 2020

Card principal
Calvin Kattar derrotou Dan Ige por decisão unânime dos jurados
Tim Elliott derrotou Ryan Benoit por decisão unânime dos jurados
Jimmie Rivera derrotou Cody Stamann por decisão unânime dos jurados
Taila Santos derrotou Molly McCann por decisão unânime dos jurados
Mounir Lazzez derrotou Abdul Razak Alhassan por decisão unânime dos jurados

Card preliminar
Khamzat Chimaev finalizou John Phillips com um estrangulamento no 2R
Lerone Murphy derrotou Ricardo Carcacinha por nocaute técnico no 1R
Modestas Bukauskas derrotou Andreas Michailidis por nocaute técnico no 1R
Jared Gordon derrotou Chris Fishgold por decisão unânime dos jurados
Liana Jojua finalizou Diana Belbita com uma chave de braço no 1R
Jack Shore finalizou Aaron Phillips com um mata-leão no 2R

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade