Masvidal celebra renovação com UFC e promete ‘decapitar’ Usman: ‘Vai começar e terminar violento’

Publicado em 07/07/2020 por: Mateus Machado
Masvidal celebra renovação com UFC e promete ‘decapitar’ Usman: ‘Vai começar e terminar violento’ Jorge Masvidal falou sobre novo contrato e provocou Usman (Foto reprodução Instagram @gamebredfighter)

publicidade

Jorge Masvidal viu sua situação dentro do Ultimate mudar de maneira radical nos últimos dias. Mesmo vivendo uma boa fase dentro do octógono, embalado por três vitórias consecutivas, o lutador, há algumas semanas, travava uma “disputa” financeira com a organização, onde exigia ser melhor recompensado. No entanto, ao que parece, a franquia e o americano entraram em um rápido acordo, o que levou “Gamebred” a ser escolhido como substituto de Gilbert Durinho para enfrentar o campeão meio-médio Kamaru Usman na luta principal do UFC 251, que acontece no próximo sábado (11), na “ilha da luta”, em Abu Dhabi, Emirados Árabes Unidos.

Em entrevista à ESPN americana, Masvidal, atualmente com 35 anos, revelou que, para aceitar a luta, fechou um novo contrato com o UFC, garantindo que a companhia ficou “bem perto” de atender todas as suas solicitações. Por isso, ele aceitou enfrentar Usman com apenas seis dias de antecedência.

“Tivemos que quebrá-los (sobre o acordo para a luta diante de Usman em tão pouco tempo). É por isso que algumas pessoas não parecem muito felizes com o anúncio, elas não querem falar muito sobre isso. Eu sempre vou fazer o meu trabalho, que é prover para mim e minha família, não vou dar a mínima para o que alguém diz. Estou nesse negócio há bastante tempo. Eu sei o meu valor. Nós sabemos nosso valor. É um jogo de números. Os números estão lá. Não é ‘eu acho que mereço isso’. Não, vejo no papel o que trago. Eu e minha equipe sabemos o que eu mereço. Não estou pedindo para que me paguem algo ultrajante. Eu posso entender se você não quer me dar muito dinheiro garantido, mas quanto ao pay-per-view, o que eu trago, o que as pessoas procuram, eu quero mais dinheiro sobre isso, e eles não estavam ajudando. E foi assim. Então, toda essa loucura teve que acontecer para eles voltarem a ter clareza. Não consegui exatamente o que eu queria, mas chegou bem perto, então aceitei. Chegamos a um bom acordo”, disse.

A rivalidade entre Jorge Masvidal e Kamaru Usman já dura algum tempo e os dois lutadores quase chegaram às vias de fato após trocarem provocações e empurrões no Super Bowl da NFL (Futebol Americano), em Miami (EUA). Questionado se está em forma para enfrentar o campeão meio-médio mesmo com apenas seis dias de antecedência, Jorge não perdeu a oportunidade de alfinetar o desafeto nigeriano.

“Talvez não para enfrentar Ben Askren. Não estou na forma de Ben Askren, porque ele é um baita de um wrestler. Ou até mesmo para lutar com um cara como Darren Till. Mas se estou em forma para este vagabundo que estou prestes a decapitar e batizar? Ah sim! Estou feliz mais do que tudo, porque posso quebrar a cara desse cidadão e ser pago por isso. Eu vou batizá-lo para o mundo ver. Vai ser violento, vai começar violento e vai acabar violento”, disparou Masvidal, que já embarcou rumo à Abu Dhabi.

CARD COMPLETO:

UFC 251
Ilha de Yas, em Abu Dhabi (EAU)
Sábado, 11 de julho de 2020

Card principal (23h, de Brasília)
Peso-meio-médio: Kamaru Usman x Jorge Masvidal
Peso-pena: Alexander Volkanovski x Max Holloway
Peso-galo: Petr Yan x José Aldo
Peso-palha: Jéssica Bate-Estaca x Rose Namajunas
Peso-mosca: Amanda Ribas x Paige VanZant

Card preliminar (19h, de Brasília)
Peso-meio-pesado: Volkan Oezdemir x Jiri Prochazka
Peso-meio-médio: Elizeu Capoeira x Muslim Salikhov
Peso-pena: Makwan Amirkhani x Danny Henry
Peso-leve: Léo Santos x Roman Bogatov
Peso-pesado: Marcin Tybura x Maxim Grishin
Peso-mosca: Raulian Paiva x Zhalgas Zhumagulov
Peso-galo: Karol Rosa x Vanessa Melo
Peso-galo: Martin Day x Davey Grant

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Instagram
Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade