Além do BJJ Stars, realizado no último sábado (25), em São Paulo – na retomada da organização em meio à pandemia do novo coronavírus -, o fim de semana teve outros eventos de Jiu-Jitsu interessantes, todos de lutas casadas. Dois deles aconteceram na sexta-feira (24), no Texas, Estados Unidos: o F2W 148 e o Submission Hunter Pro.

Já consagrado no cenário do Jiu-Jitsu, o F2W realizou sua edição nº 148 e contou com mais um show do campeão Victor Hugo na luta principal. Contra o experiente Max Gimenis, o faixa-preta da Ribeiro JJ impôs seu jogo para vencer por finalização com um estrangulamento e, assim, manter o cinturão super-pesado.

No co-main event, o americano Keenan Cornelius fez sua estreia pela companhia e, na eleita melhor luta da noite, derrotou o brasileiro Matheus Luna por decisão dos árbitros. Entre os destaques, o evento ainda contou com triunfos de Chris Roberson sobre Brunos Bastos – pelo título super-pesado com quimono dos masters – e a finalização de Kendall Reusing contra Brittney Elkin, que segue reinando nos Estados Unidos.

https://www.instagram.com/p/CDE2D1slFmg/

Ricardo Evangelista conquista cinturão

Com um currículo recheado de conquistas, o brasileiro Ricardo Evangelista somou mais um título, desta vez do evento Submission Hunter Pro – onde só valiam finalizações -, na sexta-feira. Em disputa contra Dinko Bektic, o faixa-preta da GFTeam mostrou que ainda tem gás e, aos 34 anos de idade, saiu com o cinturão.

Nas suas redes sociais, Evangelista celebrou o cinturão mesmo com todos os problemas da pandemia: “Nós vencemos! Eu nunca entrei em uma competição sozinho, portanto eu gostaria de agradecer aos meus alunos, minha família, amigos e parceiros de treino por todo o suporte. O objetivo é treinar e melhorar sempre. Enquanto eu estiver motivado e com todo esse suporte, continuarei dando o meu melhor a cada luta. A mão erguida me lembra o quanto esse momento é único”, escreveu Ricardo em parte da publicação.

 

Ver essa foto no Instagram

 

WE WON!!! I never get on the competition mat alone, so I want to thank my family, my students, my team and friends for all the support, training and messages. The promise is to train more to always improve. As long as I am motivated and with all this support I will be doing my best in every fight. I still have a great desire to test myself and keep evolving. The hand raised after a fight reminds me that this moment is unique and fleeting … so I must enjoy a victory and then train as much as possible because the next fight will be even more difficult. So let’s train more and let the next challenge come … #braus #bestrongandbrave #infityforce #ricardoevangelista @brausfight @gfteam_oficial @marcusbellobjj @brian__marvin @renzogracielakehouston @_pqdesigns @juliogfteam @twin_wolves_martialarts @baraunajj @huandersonpavao @bomfim_bjj @submissionhunterpro @belindabserrano @lesterbeast1 @raybell92 @julianvega @mikecalimbas @mickmaynard2 @benassi.pro.training @teamevangelista

Uma publicação compartilhada por Ricardo Evangelista (@ricardoevangelista) em