Cormier vê ‘maior aposentadoria do MMA’ caso vença no UFC 252, enquanto Miocic abre o jogo sobre encerrar a carreira

Publicado em 14/08/2020 por: Yago Redua
Cormier vê ‘maior aposentadoria do MMA’ caso vença no UFC 252, enquanto Miocic abre o jogo sobre encerrar a carreira Miocic e Cormier fazem o encerramento da trilogia neste sábado (15) (Foto: Reprodução/YouTube/UFC Brasil)

publicidade

Por tudo o que cerca a luta principal do UFC 252, certamente o combate entre Stipe Miocic, campeão dos pesados, e Daniel Cormier é um dos mais aguardados do ano de 2020. O confronto em Las Vegas (EUA) vai encerrar a trilogia entre os dois e também colocará um ponto final na carreira de “DC”. Em coletiva de imprensa, na quinta-feira (13), o ex-campeão dos meio-pesados e pesados do Ultimate reafirmou que vai se aposentar após o duelo, aos 41 anos, independente do resultado.

Além disso, Cormier comentou que se parar como campeão, será a maior aposentadoria da história do MMA. O atleta da AKA ainda comparou o feito com outros esportistas, como Michael Jordan, no Basquete, e Peyton Manning, no Futebol Americano.

“No MMA, sim (maior aposentadoria da história, caso vença no sábado)! Mas acho que isso me coloca ao lado dos maiores atletas do esporte de todos os tempos. Michael Jordan venceu com os (Chicago) Bulls quando eles venceram o (Utah) Jazz. Infelizmente, ele voltou (a competir). Eu não vou voltar. O Peyton Manning ganhou um Super Bowl em sua última temporada. Isso me colocaria nesse tipo de esfera, com alguns dos maiores atletas que já competiram em qualquer esporte”, projetou o peso-pesado.

Cormier ainda garantiu que apesar de todo o histórico recente com Miocic, a maior rivalidade que construiu no UFC foi com “Bones”: “Meu maior rival no MMA, claro, foi o Jon Jones, fizemos muito dinheiro e vendemos altos números de pay-per-views. Mas, sem dúvida, a maior luta é contra o Miocic”, concluiu.

Miocic deixa futuro em aberto

Se Cormier vai se aposentar após o UFC 252, Miocic ainda parece disposto a seguir em ação pelo Ultimate e ampliar seu legado dentro da categoria dos pesados. Durante a mesma coletiva de imprensa, em Vegas, o atual campeão contou que pensa em deixar o esporte constantemente, mas que ainda não é a hora.

“Penso na aposentadoria a cada luta. Desde minha primeira luta no UFC 136, penso em me aposentar. No minuto em que não estiver me divertindo mais e isso virar um trabalho, eu vou sair. Agora, estou bem. Eu estou feliz. Eu tive um ótimo camp, com o melhor de minhas habilidades, especialmente estando em quarentena com esta pandemia acontecendo, mas honestamente me sinto ótimo”, contou Miocic.

Sobre o futuro da categoria, caso vença no sábado, Miocic citou alguns nomes que estão na linha pelo title shot, mas garantiu que o seu foco é em fechar a trilogia contra Cormier: “Há muitos caras. (Francis) Ngannou está em ótimo momento, (Curtis) Blaydes… O que o UFC quiser, eu luto. Mas, meu foco é sábado. Isso é tudo que me importa agora. Há muitos caras bons chegando. É ótimo ver a divisão ficando mais forte”, encerrou.

CARD COMPLETO:

UFC 252
Las Vegas, Estados Unidos
Sábado, 15 de agosto de 2020

Card principal (23h horário de brasília)
Peso-pesado: Stipe Miocic x Daniel Cormier
Peso-galo: Sean O’Malley x Marlon Vera
Peso-pesado: Junior Cigano x Jairzinho Rozenstruik
Peso-galo: John Dodson x Merab Dvalishvili
Peso-meio-pesado: Magomed Ankalaev x Adversário a ser anunciado

Card preliminar (19h horário de Brasília)
Peso-leve: Jim Miller x Vinc Pichel
Peso-palha: Ashley Yoder x Livinha Souza
Peso-pena: Herbert Burns x Daniel Pineda
Peso-palha: Felice Herrig x Virna Jandiroba
Peso-pena: TJ Brown x Danny Chavez
Peso-pesado: Chris Daukaus x Parker Porter
Peso-pena: Kai Kamaka III x Tony Kelley

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade