Resumo do MMA: VanZant deixa UFC e assina com Boxe sem luvas, Romero é baixa contra Hall e mais

Publicado em 13/08/2020 por: Yago Redua
Resumo do MMA: VanZant deixa UFC e assina com Boxe sem luvas, Romero é baixa contra Hall e mais Paige VanZant assinou um contrato que rendará mais de US$ 1 milhão (Foto reprodução Instagram @paigevanzant)

publicidade

Apontada como uma das “queridinhas” do UFC, a peso-palha Paige VanZant não renovou seu contrato com a franquia liderada por Dana White e assinou com o Bare Knuckle Fighting Championship – evento de Boxe sem luvas. A própria lutadora anunciou nas redes sociais o acordo com a companhia, que recentemente tentou realizar a luta entre Mike Tyson e Wanderlei Silva.

Segundo informações da ESPN americana, o contrato ultrapassa a marca de US$ 1 milhão, além de outros bônus. A primeira rival de VanZant ainda não foi definida, mas o presidente do evento, David Feldman, disse ao MMA Fighting que a tendência é que a estreia da lutadora seja em novembro, na categoria dos galos. Antes de assinar com o Bare Knuckle FC, “12 Gauge” recusou uma oferta do Bellator. A última luta de Paige no Ultimate foi em junho, quando perdeu por finalização para a brasileira Amanda Ribas, no UFC 251.

Yoel Romero deixa duelo contra Uriah Hall

Yoel Romero é baixa para o evento do UFC que será disputado no próximo dia 22, quando iria enfrentar Uriah Hall, segundo o site BJPenn.com. Ainda não se sabe o motivo que fez o peso-médio de 43 anos declinar do combate, e a permanência do americano no card também não foi definida pelo Ultimate.

Cutelaba fora do UFC 252 após pegar Covid-19

Programado para lutar no próximo sábado (15), pelo UFC 252, Ion Cutelaba testou positivo para o novo coronavírus e está fora da revanche contra Magomed Ankalaev. A informação foi divulgada pelo site russo TASS. Tiago Okamura, agente do meio-pesado, afirmou que o atleta vai permanecer em Las Vegas de quarentena e espera que o duelo seja remarcado. O UFC ainda não se manifestou sobre a permanência do russo no card. Essa é a terceira vez que o confronto cai. No começo de 2020, Ankalaev venceu Cutelaba por nocaute no primeiro round após o árbitro Kevin MacDonald interromper  a luta- o que gerou uma insatisfação do lutador da Moldávia e de diversos fãs nas redes sociais, que alegou não estar nocauteado.

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Instagram
Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade