Com campeão Rick Monstro em ação contra ex-UFC, Taura MMA anuncia que evento nos Estados Unidos terá público

Publicado em 14/09/2020 por: Yago Redua
Com campeão Rick Monstro em ação contra ex-UFC, Taura MMA anuncia que evento nos Estados Unidos terá público Evento da Taura, nos Estados Unidos, vai contar com presença de público (Foto: Divulgação)

publicidade

O primeiro evento do Taura MMA fora do Brasil será com público. Diante da flexibilização colocada em prática na Flórida, nos Estados Unidos, o Taura 11, a ser realizado em Kissimmee, no dia 30 de outubro, terá 1800 ingressos vendidos para a Silver Spurs Arena – que originalmente tem capacidade para 15 mil pessoas. Os bilhetes estão à disposição do público no site Ticketmaster.com, enquanto o Bet.pt movimenta os fãs de outra forma.

O show será estrelado pela disputa do título entre o campeão meio-pesado Rick Monstro (8-4) e Jonathan Wilson (7-3). O desafiante vem de uma vitória por finalização sobre Derek Eason, no Gladiator Challenge, e soma sete triunfos e três derrotas em seu cartel profissional. O detentor do título, por sua vez, conquistou a cinta no Taura 6, vencendo Marcos Vinícius, e está pronto para sua primeira defesa.

No co-main event, Antônio Pezão (19-12) vai iniciar sua jornada nos pesos-pesados do Taura com um adversário duríssimo: Brett Martin, o ‘Big Dog’ (9-1), conquistou recentemente os títulos do Lights Out Championship e do Legacy Fighting Alliance. Para continuar sonhando com uma tríplice coroa, porém, o americano terá de passar pelo veterano brasileiro.

Os fãs de MMA que vão à Silver Spurs Arena terão todo um protocolo de segurança sanitária à disposição: equipe fiscalizando a temperatura dos torcedores na entrada, obrigatoriedade de máscara durante todo o evento e disponibilização de álcool em gel em pontos estratégicos. Além disso, os ingressos serão vendidos somente em pares ou em múltiplos de quatro, com pleno respeito às regras de distanciamento social.

Investimento pesado 

A Taura MMA, evento que nasceu no região Sul do Brasil, vem investido pesado na contratação de nomes consagrados mundialmente para reforçar o seu elenco, como é o caso de Renan Barão, ex-campeão do UFC, Rousimar “Toquinho” Palhares, Serginho Moraes, Leo Leite, Vitor Miranda, Viscarde Andrade, entre outros. Jovens talentos, como Fábio Alano, Allan Puro Osso, Arthur Ribas, que é irmão de Amanda Ribas, do UFC.

O primeiro evento nesta retomada, em meio à pandemia do novo coronavírus, será disputado no dia 23 de outubro, na Upper Arena, na Zona Sul do Rio de Janeiro, com quatro disputas de cinturão e a presença de dois grandes nomes do MMA brasileiro. O combate principal será entre o campeão peso-mosca (57 kg), Felipe Gheno (9-1), e o ex-UFC Bruno “Korea” (11-3-1). O atual detentor do cinturão não sabe o que é perder desde 2013, ainda no início da carreira, e não pretende perder a invencibilidade de sete anos. Douglas He-Man vai defender o título dos galos contra Ary Farias. Entre as mulheres, no peso-palha, Yasmin Castanho coloca o cinturão em jogo contra Bruna Vargas. Para fechar, o campeão Isaac Moura encara o desafiante Gian Sarturi. Rousimar Toquinho e Serginho Moraes também estarão em ação.

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Instagram
Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade