Gabi Pessanha abre o jogo sobre corte de peso e projeta luta contra Yara no BJJBET: ‘Vai pegar fogo’

Publicado em 04/09/2020 por: Yago Redua
Gabi Pessanha abre o jogo sobre corte de peso e projeta luta contra Yara no BJJBET: ‘Vai pegar fogo’ Gabi Pessanha chegou com destaque à faixa-preta e promete fazer história na modalidade (Foto Flash Sport)

publicidade

* Gabi Pessanha não sabe o que é lutar desde o dia 9 de março, quando venceu, na final da categoria até 94kg do Abu Dhabi Grand Slam de Londres (ING), Yara Soares, sua adversária do próximo domingo (6), pelo BJJBET. A jovem faixa-preta viu o convite para participar do novo evento como um “alívio” após relaxar durante a pandemia de Covid-19 e não manter um ritmo de treinos e nem uma alimentação correta.

Logo depois de assinar o contrato, Gabi se motivou para retomar os treinos e reencontrar uma velha conhecida, com quem carrega rivalidade saudável desde as faixas coloridas. À TATAME, a lutadora destacou a emoção de fazer parte do grande card montado pelo BJJBET e que o evento veio para fazer história.

“Fiquei muito feliz, porque não estava tendo nenhum campeonato (por causa da pandemia) e só alguns eventos de luta casada. Estou recebendo outras propostas para lutar em eventos de luta casada, e quando veio (o convite) do BJJBET, fiquei muito feliz. Eles falaram que é uma ‘nova era’ e dá para ver quem está organizando, que eles querem mesmo fazer história. O tratamento que eles estão dando é incrível, na bolsa eles também valorizaram muito. Vão fazer história no Jiu-Jitsu e estou feliz em fazer parte disso”, comentou.

Gabi contou ainda que o desafio para perder peso vem lhe motivando em seu retorno, analisou o combate contra Yara, seus treinos e agradeceu o apoio de todos os parceiros de equipe na TMD House/Infight.

Confira outros trechos da entrevista com Gabi Pessanha: 

– Projeção do duelo contra a Yara Soares

Acho que lutamos seis vezes, ganhei cinco e ela uma, e todas as vezes foi um ‘lutão’, de pegar fogo mesmo. A minha expectativa é a mesma. Eu sei que vai ser ‘lutão’. Eu falo por mim, porque eu gosto de lutar com as melhores, porque sou obrigada a dar o meu melhor. A Yara vai dar o melhor dela e eu vou dar o meu.

– Treinamentos para lutar no BJJBET  

Eu só estava treinando aqui em casa mesmo, mas conforme recebi a proposta do BJJBET, meu professor (Márcio de Deus) puxou alguns treinos para me ajudar mais. Sigo treinando em casa ainda, mas só ajustando posições que eu sinto que estou frouxa e sei que podem acontecer na luta. Estou treinando com alguns amigos, cerca de 1h30 ou 2h de treino, só rola mesmo… Pancadaria (risos). Está sendo muito bom, porque estou feliz. O treino foi feito voltado pra mim. Quando estou cansada, eles ficam ‘bora, Gabi’, e têm alguns que entram na minha mente e falam ‘ela está treinando para te pegar, vai dar mole?’. Está sendo um momento muito bom. Estou animada demais para esse evento e tenho certeza que vai ser incrível.

– Foco maior na perda de peso para a luta

Eu agradeci muito a Deus quando recebi a proposta de lutar o BJJBET neste momento, porque eu estava comendo muita besteira e não estava treinando tanto em casa, igual treino hoje. Esse evento foi um ‘ufa, voltei ao foco’. Querendo ou não, estava relaxada. Treinava um dia, outro não treinava. Comia uma besteira ali, outra aqui. Esse campeonato está me motivando muito, treinar todo dia, comer bem. Eu tenho que bater 86kg com quimono e eu nunca perdi peso para lutar. No começo, eu queria lutar com o meu peso normal, mas eles (BJJBET) conversaram comigo, porque a Yara está um pouco mais leve. No início, eu não queria, mas isso, no fundo, me motivou mais. Eu acordo, dou uma caminhada na esteira, corro, para descer o meu peso. Esse desafio de perder peso me deixou ainda mais focada. Eu poderia estar só treinando e falando ‘vou comer um sorvete aqui’, mas não, hoje não. Se eu comer isso, vou engordar e eu preciso bater o peso.

– Período sem lutar e ansiedade pela volta

Essa ausência das competições só me mostrou que é isso (BJJ) que eu quero, que me dá alegria de verdade. É isso que eu quero para o resto da minha vida: lutar e treinar. Tenho certeza que este retorno vai ser incrível. O último campeonato que eu lutei foi no dia 9 de março, o Grand Slam de Londres. Inclusive, fiz a final contra a Yara. Estou ansiosa demais para este evento, porque tenho certeza que será incrível (risos).

CARD COMPLETO:

BJJBET
São Paulo, Brasil
Domingo, 6 de setembro de 2020
-Adquira seu pay-per-view, AQUI

Lutas No-Gi
Robert Cyborg x Kaynan Duarte
Gregor Gracie x Isaque Bahiense
Xande Ribeiro x Vagner Rocha
Léo Lara x Ítalo Moura

Lutas de Quimono
Erberth Santos x Felipe Preguiça
Leandro Lo x Nicholas Meregali
Marcos Petcho x Servio Tulio
Rider Zuchi x Gutemberg Pereira
Gabi Pessanha x Yara Soares
Diego Pato x Alex Sodré
Meyram Maquine x Fabrício Takaka

Old School
Marcos Barbosa x Wander Braga

Luta sub-21
Mica Galvão x Felipe Porto

* Por Yago Rédua

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade