Mica Galvão elogia Felipe Porto e projeta ‘luta pra frente’ no BJJBET: ‘Os fãs podem esperar um show de qualidade’

Publicado em 02/09/2020 por: Yago Redua
Mica Galvão elogia Felipe Porto e projeta ‘luta pra frente’ no BJJBET: ‘Os fãs podem esperar um show de qualidade’ Mica é uma das grandes promessas do Jiu-Jitsu brasileiro na faixa-roxa (Foto reprodução Instagram @micagalvaojj)

publicidade

* Um dos mais valiosos nomes da nova geração do Jiu-Jitsu, o faixa-roxa Mica Galvão vai fazer a superluta sub-21 do BJJBET, no próximo domingo (6), contra Felipe Porto. Por conta da pandemia de Covid-19, o amazonense não vinha competindo, mas destacou o convite para o aguardado evento e se disse “animado” para esta retomada.

Em entrevista exclusiva à TATAME, Mica, que atualmente faz parte do projeto Dream Art – liderado por Isaque Bahiense -, comentou sobre a sua preparação para o confronto. O lutador explicou a diferença do camp voltado para apenas um adversário e ainda projetou o seu primeiro encontro contra Felipe Porto.

“Geralmente, eu não mexo na minha rotina por conta de competições, porém eu tento ficar a par do jogo dos meus adversários e quando é uma superluta, eu estudo um pouco mais sobre a pessoa. Nunca enfrentei o Felipe, mas olhando o jogo dele, vejo que é um atleta com alto potencial. Creio que o jogo dele e o meu sejam mais pra frente, então os fãs podem esperar uma boa luta e um show de qualidade”, analisou.

Com a pandemia, muitos atletas tiveram que se desdobrar para manter a forma física e técnica, devido ao fechamento das academias. O pai de Mica, Melqui Galvão, também é treinador do faixa-roxa, então, foi um ponto positivo para este período de isolamento social. O amazonense ainda comentou que a falta de competições não o afeta mentalmente e que vem trabalhando o lado psicológico para momentos assim.

“Mesmo com a pandemia, meu pai/professor decidiu isolar uma certa quantidade de atletas na academia e continuar treinando lá por este tempo que estivemos na pandemia. Então, a preparação não alterou muito. Creio que depende da pessoa, mas eu não tenho problemas com a falta de competições, porque trabalhamos muito a questão mental para casos como esses”, concluiu a jovem promessa da arte suave.

Além do BJJBET, Mica tem como meta ainda em 2020 competir no Grand Slam do Rio, que está programado para dezembro, além de outros campeonatos estaduais que forem sendo realizados ao redor do Brasil.

CARD COMPLETO:

BJJBET
São Paulo, Brasil
Domingo, 6 de setembro de 2020
-Adquira seu pay-per-view, AQUI

Lutas No-Gi
Robert Cyborg x Kaynan Duarte
Gregor Gracie x Isaque Bahiense
Xande Ribeiro x Vagner Rocha
Léo Lara x Ítalo Moura

Lutas de Quimono
Erberth Santos x Felipe Preguiça
Leandro Lo x Nicholas Meregali
Marcos Petcho x Servio Tulio
Rider Zuchi x Gutemberg Pereira
Gabi Pessanha x Yara Soares
Diego Pato x Alex Sodré
Meyram Maquine x Fabrício Takaka

Old School
Marcos Barbosa x Wander Braga

Luta sub-21
Mica Galvão x Felipe Porto

* Por Yago Rédua

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade