Por que sentimos dor quanto a temperatura está mais baixa? Dr. Rafael Fonseca explica e apresenta dicas

Publicado em 23/09/2020 por: Yago Redua
Por que sentimos dor quanto a temperatura está mais baixa? Dr. Rafael Fonseca explica e apresenta dicas Dr. Rafael Fonseca falou sobre dores quanto a temperatura está baixa (Foto reprodução)

publicidade

* Em épocas de frio, as pessoas ficam mais contraídas, diferentemente do verão, quando elas ficam expansivas. O corpo humano, para funcionar bem, deve ser mantido a uma temperatura interna entre 36°C e 37°C, tarefa nada fácil quando os termômetros marcam menos de 10°C, por exemplo.

Em baixas temperaturas, ocorre a diminuição do diâmetro dos vasos sanguíneos, o que chamamos de constrição vascular. Com menos sangue circulando, há uma menor quantidade de oxigênio sendo bombeado no corpo e uma produção maior de ácido láctico. Ocorre que os músculos ficam mais tensos ou sofrem contratura, o que ajuda a tornar algumas partes do corpo doloridas. Ficar encolhido pode afetar a postura e provocar dores na coluna.

Nas articulações, o líquido sinovial — que tem a função de lubrificar as articulações permitindo seu movimento suave e indolor — fica mais espesso com o esfriamento do corpo — podendo gerar mais incômodos. O clima frio é um problema ainda mais sério para quem sofre de alguma doença crônica. Na área de ortopedia há muitas reclamações de dores nas articulações. Os sintomas da artrose ou da bursite ficam acentuados.

Para piorar, no frio as pessoas relatam que sentem menos disposição para as atividades físicas, o que é um erro para a saúde. O exercício estimula a musculatura e contribui para o bombeamento do sangue nas extremidades, caminhada, alongamento e fortalecimento muscular são indicados durante todo inverno.

*Por Dr. Rafael Fonseca – Ortopedista e Médico do Esporte

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade