Dupla brasileira entra em ação no Karate Combat, no domingo (18), e projeta participação no torneio; saiba mais

Publicado em 17/10/2020 por: Yago Redua
Dupla brasileira entra em ação no Karate Combat, no domingo (18), e projeta participação no torneio; saiba mais Brasileiros estarão em ação neste domingo no Karate Combat que será transmitido ao vivo no YouTube (Foto: Divulgação)

publicidade

Os caratecas Luiz Rocha e Bruno de Assis representarão o Brasil na arena do Karate Combat, neste domingo (18). O evento, que tem regras contato total (full contact), será transmitido gratuitamente no canal do YouTube da organização, a partir das 20h (de Brasília).

Natural de Natal, Rio Grande do Norte, e integrante da Pitbull Brothers, Rocha disputa a categoria até 69kg e fará sua quinta luta pela liga, desta vez contra o francês Ilies Mardhi. Vindo de derrota recente, o lutador, que se caracteriza pelos contragolpes e “frieza” na arena, afirmou ter reforçado a parte física neste camp.

“Isso foi preponderante nas últimas lutas, mas agora é momento de ressurgir. Mardhi é jovem e rápido, mas sou um dos mais experientes deste evento, e ele precisa me respeitar. Dominarei esse combate com tranquilidade até a vitória”, afirmou o lutador, que também está invicto no MMA há quatro lutas.

Outro brasileiro no card, Bruno de Assis vem de uma vitória em sua estreia pela liga. Agressivo e com volume de golpes eficiente, o lutador paulista, que atua na divisão até 67kg, agora encara o húngaro Gergely Horváth. Confiante em engatar seu segundo triunfo seguido na companhia, Bruno comentou:

“Meu adversário se destaca pela potência, com boa vivência de MMA e Kickboxing, diferente de muitos caratecas do evento, que são mais clássicos. A ordem será impor meu jogo e velocidade em momentos específicos. Estamos com tática definida para os três rounds. Estou plenamente confiante”, disse o lutador, que tem mais de 200 medalhas nas competições nacionais de internacionais de caratê olímpico.

Sobre o evento

O Karate Combat é um circuito profissional que preza o contato total de socos e chutes característicos da arte das mãos vazias. O ‘pit’ (arena) é angulado como se fosse um fosso, para ajudar na versatilidade e fluidez da luta. Projeções e quedas são autorizadas, com ground and pound permitido por cinco segundos. O evento se destaca também por produções temáticas, ângulos de transmissão diferenciados e tem como um dos patronos o ex-campeão do UFC Bass Rutten. Assista mais no link abaixo.

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade