* Tricampeã mundial de Jiu-Jitsu na faixa-preta, Cláudia do Val vai fazer um dos combates mais aguardados do BJJ Stars 4, marcado para o próximo sábado (14), em São Paulo. Diante de Gabi Garcia, a lutadora fará seu retorno às competições, tendo em vista que o seu planejamento para 2020 foi diretamente impactado pela pandemia global do novo coronavírus.

Para adquirir o PPV e acompanhar tudo do BJJ Stars, clique AQUI

Para o confronto contra Gabi, Cláudia do Val vem fazendo sua preparação na academia Carlson Gracie Leme, no Rio de Janeiro, sob o comando do professor Rodrigo Totti. Atual líder do ranking com e sem quimono da IBJJF (International Brazilian Jiu-Jitsu Federation) entre as mulheres, a casca-grossa fez uma análise da sua oponente visando a luta do próximo sábado e ressaltou o forte jogo de pressão de Garcia.

“Pelo o que eu já vi nas lutas dela (Gabi Garcia), é de muita pressão. Vai ser uma luta onde vou precisar estar atenta sempre, tomando cuidado o tempo todo. Aliás, na faixa-preta não existe uma luta em que você não tenha que tomar cuidado. A minha expectativa é conseguir dar o meu melhor, estou treinando bastante e espero conseguir chegar lá tendo uma boa performance”, projetou a brasileira em entrevista à TATAME.

Confira outros trechos da entrevista com Cláudia do Val:

– Preparação e expectativa para superluta no BJJ Stars 4

Estou tentando treinar da maneira mais dura que eu consigo, sempre lembrando das lesões, de não ter ‘overtraining’ (excesso de treinos). De olho nisso, estou dando o meu melhor, como sempre procuro fazer.

– Planos para 2020 e impacto causado pela pandemia

Eram os campeonatos mais importantes… Pan-Americano, Brasileiro, Mundial, Mundial Master, que eu também gosto de lutar. Não estava ainda tudo certo, com voos programados, mas essa era a minha ideia, é o que eu traço para o ano competitivo. Com a Covid-19, não tivemos muitos campeonatos, muita gente não pôde treinar, eu mesma fiquei bastante tempo sem treinar. Então, me afetou dessas maneiras, em relação aos torneios e aos treinos. Voltei a treinar mais forte mesmo assim que recebi o convite para o BJJ Stars.

– Importância do crescimento dos eventos de lutas casadas

Acho esses eventos bem importantes, porque eles valorizam o Jiu-Jitsu. Você percebe que existe um público para o Jiu-Jitsu, eles casam lutas que as pessoas querem muito ver, então o público compra o evento, assiste, a premiação é importante para os atletas, então é algo essencial para a profissionalização do esporte. Você tem as federações, a de Abu Dhabi já paga os atletas, tem premiações, a IBJJF bem menos em questão de premiação… Então, esses eventos ajudam na profissionalização do atleta e todos os envolvidos.

CARD COMPLETO:

BJJ Stars 4
São Paulo (SP)
Sábado, 14 de novembro de 2020

GP peso-médio
Leandro Lo
Isaque Bahiense
Otavio Sousa
Gustavo Batista
Matheus Diniz
Jaime Canuto
Cláudio Calasans
Luan Carvalho

Superlutas
Gabi Garcia x Cláudia Do Val
Patrick Gaudio x Devhonte Johnson
Dimitrius Souza x Rafael Lovato Jr
Bia Mesquita x Thamara Ferreira
Victor Hugo x Erich Munis
Anna Rodrigues x Amanda Monteiro

* Por Mateus Machado