Atual campeã peso-mosca do Ultimate, Valentina Shevchenko defendeu com sucesso seu título no último sábado (21), no co-main event do UFC 255, ao derrotar Jennifer Maia por decisão unânime dos jurados após cinco rounds de combate. Cada vez mais dominante na categoria até 57kg, com quatro defesas de cinturão bem sucedidas, a atleta do Quirguistão, pelo menos de acordo com Dana White, presidente da organização, já tem uma possível rival.

Após a realização do UFC 255, o “Big Boss”, em entrevista coletiva, citou o nome de Jessica Bate-Estaca, ex-campeã peso-palha, como uma provável desafiante visando o próximo desafio de Valentina. Dana ainda afirmou que a brasileira tem as condições necessárias em seu jogo para “destronar” a atual campeã peso-mosca.

“Eu acho que Valentina Shevchenko x Jessica Bate-Estaca é uma luta muito divertida. O que eu amo nessa luta é que Shevchenko está em um ponto em sua carreira onde ela precisa de uma adversária que as pessoas acham que realmente tem uma chance de vencê-la, e acho que nós todos sabemos que Jessica pode”, disse o mandatário.

Embalada por seis vitórias consecutivas, Valentina Shevchenko não perde uma luta desde 2017, quando enfrentou Amanda Nunes no UFC 215 e foi superada na decisão dividida dos jurados. Ao ser questionada sobre a possibilidade de enfrentar Jessica Bate-Estaca, “Bullet” não se opôs ao desafio, mas disse que o “mais justo” seria um combate eliminatório entre a brasileira e Lauren Murphy, americana que vem de quatro triunfos em sequência e ocupa, atualmente, a quinta colocação no ranking peso-mosca.

“Eu aceito qualquer adversária que colocarem na minha frente. Mas acho que o mais justo seria Jessica Bate-Estaca e Lauren Murphy se enfrentarem, mas não quero esperar tanto tempo, porque elas lutariam daqui a alguns meses, e eu enfrentaria a vencedora após mais alguns meses. Não pretendo esperar tanto, então por que não enfrentar Jéssica? Por mim, tudo bem”, disse Shevchenko, em entrevista ao “Combate”.

Com duas derrotas no peso-palha, para Weili Zhang e Rose Namajunas, Jessica Bate-Estaca subiu para a divisão dos moscas, fazendo sua estreia na classe de peso em outubro. Com uma bela atuação, a ex-campeã dos 52kg derrotou Katlyn Chookagian por nocaute ainda no primeiro round.