O Circuito Rio Mineirinho vai iniciar sua temporada com o Sul Americano nos dias 21 e 22 de novembro. A FJJD-Rio está planejando diversas novidades e, além das premiações com passagens internacionais, serão distribuídos prêmios em dinheiro para todos os absolutos – masculino e feminino – da faixa-azul até à preta. Será assim em todas as etapas.

Gabriela Fechter, faixa-preta da Checkmat, comentou essa novidade no ranking do Mineirinho para 2020/21: “Eu acredito que esse tipo de premiação incentiva muito os atletas. Afinal de contas, ser atleta no Brasil não é fácil. Ter que arcar com preço de inscrição, manter uma alimentação saudável, às vezes fazer uso de suplemento… Então, não é barato ser atleta, fora o investimento em musculação. Quando vemos campeonatos com premiação em dinheiro, isso dá uma motivação maior pra gente competir”, destacou.

Segundo a organização, a classe feminina conta com a participação de aproximadamente 20% do total de inscritos nos eventos. A FJJD-Rio garantiu que as premiações entre homens e mulheres serão iguais. Além disso, o prêmio para a campeã geral do ranking da temporada – entre as atletas da faixa-azul e preta – será uma passagem para participar do seminário no Summer Camp BJJ, na Espanha, em 2022. Gabriela destacou a visibilidade e deu um recado para as meninas que sonham em viver da arte suave.

“Recado que eu dou pra elas é: vamos lutar! É muito bom ver que as premiações são iguais, isso mostra o quanto as mulheres avançaram dentro do meio esportivo, dentro do meio da luta, mas não adianta nada a premiação ser igual e o número de inscrições ser reduzido. As mulheres têm que ter a coragem de botar a cara pra lutar eu acho que falta um pouco isso”, concluiu a casca-grossa, convidando mais mulheres.

SERVIÇO: 

Sul Americano da CBJJD
Local: Velódromo, no Parque Olímpico (RJ)
Data: 21 e 22 de novembro de 2020
Inscrições: aqui