Após o peso-pesado Curtis Blaydes contrair Covid-19 e ser forçado a se retirar do card do UFC Vegas 15, realizado no último sábado (28), quando enfrentaria Derrick Lewis na luta principal, desta vez a doença atingiu Kevin Holland. Através das suas redes sociais, o atleta revelou que está fora do main event do UFC Vegas 16, no próximo dia 5 de dezembro, quando teria Jack Hermansson pela frente, e que esperava um rápido retorno ao octógono.

A confirmação da volta do peso-médio americano, porém, veio poucas horas depois. Em uma jogada para “salvar” o UFC Vegas 16, a organização remanejou o italiano Marvin Vettori, que enfrentaria Ronaldo Jacaré no UFC 256, em 12 de dezembro, para substituir Kevin e encarar Hermansson. Desta forma, Holland – que ainda precisa testar negativo para confirmar a luta – foi escalado para o duelo com Jacaré.

Jack Hermansson x Marvin Vettori

Atual quarto colocado no ranking dos médios, Hermansson vem de uma vitória por nocaute no primeiro round contra Kelvin Gastelum, em julho. Aos 32 anos, o sueco ostenta um cartel de 21 triunfos e cinco derrotas. Cinco anos mais novo, o italiano Marvin Vettori vive sua melhor fase no Ultimate, com três resultados positivos em sequência. Vettori, vale citar, é pupilo do treinador brasileiro Rafael Cordeiro na equipe Kings MMA. A dupla faz a luta principal do UFC Vegas 16, no próximo sábado, dia 5 de dezembro.

Ronaldo Jacaré x Kevin Holland

Um encontro de recuperados da Covid-19 vai marcar o duelo entre Ronaldo Jacaré e Kevin Holland. O brasileiro testou positivo em maio e, já 100%, aguarda ansiosamente para voltar ao octógono depois de um ano e reencontrar o caminho das vitórias após duas derrotas. Atualmente com 40 anos, o faixa-preta de Jiu-Jitsu soma 26 triunfos e oito reveses ao longo de sua trajetória no MMA profissional, mas não vive boa fase.

Novo adversário de Jacaré, o americano Kevin Holland vive situação oposta. Em ascensão na categoria dos médios, Kevin vem de quatro vitórias consecutivas no UFC, a última delas em outubro passado. Aos 28 anos, “Trailblazer” faria a primeira luta principal da sua carreira, e agora foca em se recuperar do coronavírus.

O UFC 256 vai contar com a segunda defesa de cinturão do campeão peso-mosca Deiveson Figueiredo em sua luta principal. Além disso, outros brasileiros vão entrar em ação, casos de Charles do Bronx, Junior Cigano e Renato Moicano, todos com importantes desafios pela edição marcada para 12 de dezembro.

CARDS COMPLETOS:

UFC on ESPN 19
UFC Apex, em Las Vegas (EUA)
Sábado, 5 de dezembro de 2020

Card principal (0h, horário de Brasília)
Peso-médio: Jack Hermansson x Marvin Vettori
Peso-meio-pesado: Ovince St. Preux x Jamahal Hill
Peso-mosca: Montana de la Rosa x Taila Santos
Peso-meio-pesado: Roman Dolidze x John Allan
Peso-pena: Nate Landwehr x Movsar Evloev
Peso-pesado: Gian Villante x Jake Collier

Card preliminar (21h, horário de Brasília)
Peso-leve: Matt Wiman x Jordan Leavitt
Peso-galo: Jimmy Flick x Cody Durden
Peso-pena: Ilia Topuria x Damon Jackson
Peso-pena: Gabriel Benitez x Justin Jaynes
Peso-galo: Louis Smolka x José Alberto Quiñonez

UFC 256
UFC Apex, em Las Vegas (EUA)
Sábado, 12 de dezembro de 2020

Peso-mosca: Deiveson Figueiredo x Brandon Moreno
Peso-leve: Charles do Bronx x Tony Ferguson
Peso-leve: Renato Moicano x Rafael Fiziev
Peso-médio: Kevin Holland x Ronaldo Jacaré
Peso-pesado: Junior Cigano x Ciryl Gane
Peso-palha: Mackenzie Dern x Virna Jandiroba
Peso-meio-médio: Li Jingliang x Dwight Grant
Peso-pena: Cub Swanson x Daniel Pineda
Peso-palha: Angela Hill x Tecia Torres
Peso-pena: Chase Hooper x Peter Barrett
Peso-pena: Billy Quarantillo x Gavin Tucker
Peso-pesado: Sergey Spivak x Jared Vanderaa
Peso-médio: Karl Roberson x Dalcha Lungiambula
Peso-mosca: Andrea Lee x Gillian Robertson