Após ser cortado do UFC no início de dezembro, Yoel Romero deu mostras do valor de sua trajetória no MMA e não tardou a ser contratado por outra grande organização. O lutador cubano, atualmente com 43 anos, assinou com o Bellator – principal rival do Ultimate – e passará a competir na categoria dos meio-pesados. A informação foi confirmada pela ESPN americana nesta segunda-feira (14) e também pelo empresário do veterano, Ibrahim Kawa.

Vale ressaltar que Romero ainda tinha três lutas em seu atual contrato, fazendo parte do plantel do Ultimate desde 2013. Entretanto, a organização optou por desligar o experiente atleta. Dana White, presidente da companhia, chegou a dizer recentemente que, nas próximas semanas, cerca de 60 atletas seriam cortados da empresa, que vem passando por uma grande reformulação, tendo em vista que novos lutadores vêm sendo contratados – a maioria deles vindo do reality show Dana White’s Contender Series.

A poucos meses de completar 44 anos, Yoel Romero venceu apenas uma luta, contra Luke Rockhold, desde o ano de 2017. Durante o período, o cubano foi derrotado por Robert Whittaker (em duas oportunidades), Paulo Borrachinha e Israel Adesanya. O “Soldado de Deus” chegou a disputar o cinturão peso-médio – interino e linear – do UFC em quatro oportunidades e, inclusive, saiu vencedor em uma delas, diante de Rockhold, mas não conquistou o título por não ter batido o peso da divisão dos médios (até 84kg) antes.