A Revista TATAME, com a ajuda dos seguidores, está elegendo os destaques do ano nas modalidades de combate. Para começar, Mackenzie Dern foi eleita como a melhor lutadora de 2020, com 38,1% dos 139 votos contabilizados através do Twitter. A lutadora registrou três vitórias no UFC, sendo duas finalizações.

A faixa-preta de Jiu-Jitsu venceu Hannah Cifers em maio com uma chave de joelho reta – algo inédito até então nas lutas femininas dentro do UFC. Na sequência, em setembro, Mackenzie seguiu com a luta de chão afiada e finalizou Randa Markos com uma chave de braço. No último dia 12, para coroar a temporada, derrotou Virna Jandiroba por decisão unânime. Dern já aparece na porta do Top 10 dos palhas, ocupando atualmente a 11ª colocação. No dia 10 de abril, a lutadora vai encarar Nina Ansaroff, que é a quinta colocada no ranking. Caso vença, pode se aproximar ainda mais do title shot em 2021 na categoria até 52kg do UFC.


Para ficar com o prêmio, Mackenzie desbancou na enquete do Twitter duas campeãs. Em segundo lugar, com 32,4% dos votos ficou Valentina Shevchenko, atual campeã peso-mosca do UFC. Já na terceira posição apareceu Cris Cyborg com 25,2% dos votos. A curitibana é a dona do cinturão peso-pena do Bellator.

Atual campeã peso-mosca do Bellator, Juliana Velasquez foi bastante lembrada na enquete promovida no Instagram – foram quase 50 votos, mas mesmo assim, Mackenzie contabilizando as duas votações, ficou na frente. Outras atletas citadas foram Amanda Nunes, double champ do UFC, Amanda Ribas e Jennifer Maia.

O critério para eleger as três principais pela TATAME foi a atleta ter feito pelo menos duas lutas no ano.